A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

04/11/2016 08:19

Fuzis, pistolas e 3.850 munições são encontradas em caminhonete

Quantidade de munições de uso restrito das Forças Armadas chamou atenção dos policiais

Renata Volpe Haddad
Armas estavam desmontadas dentro de compartimento preparado e colocado do lado de motor de caminhonete. (Foto: PRF/ Divulgação)Armas estavam desmontadas dentro de compartimento preparado e colocado do lado de motor de caminhonete. (Foto: PRF/ Divulgação)

Escondidos em um compartimento do motor de uma caminhonete, a PRF (Polícia Rodoviária Federal) apreendeu ontem (3), grande quantidade de fuzis, munições e carregadores de uso proibido, utilizado pelas Forças Armadas. Um homem que não teve o nome divulgado, de 28 anos, foi preso na unidade operacional da polícia, em Miranda, distante 201 km de Campo Grande.

Veja Mais
Marido agride mulher com garrafada e se tranca em casa com medo da polícia
Domingo é de redação no segundo dia de prova do Enem em Paranaíba

Durante abordagem de rotina, os policiais desconfiaram do compartimento diferenciado existente junto ao motor de uma caminhonete Ford F250, com placas de Goiânia. Após horas de trabalho e com ajuda de mecânicos, o compartimento foi aberto e foram encontradas dezenas de peças de armas, milhares de munições para fuzis e armas de uso restrito, além de dezenas de carregadores para armas automáticas.

Em razão dos armamentos estarem todos desmontados em dezenas de partes, foram necessárias várias horas para que fosse identificado o modelo e o calibre do armamento. Ao todo foram apreendidos três fuzis calibre 7,62mm; cinco fuzis calibre 5,56mm; três pistolas de calibre 9mm e da marca Glock.

Conforme a PRF, a quantidade de munições é surpreendente. Foram encontradas 3.850 munições de guerra. A contagem totalizou 450 munições de calibre 9mm; 745 munições de calibre 352; 2.190 munições de calibre 556; 460 munições de calibre 762; 55 carregadores, sendo 9 carregadores de pistola marca Glock, 5 carregadores de fuzil, 38 carregadores de carabina e 3 carregadores de calibre e marcas desconhecidas.

O motorista informou aos policiais que pegou a caminhonete já com o compartimento em Corumbá próximo à rodoviária, mas não informou mais detalhes sobre o crime. Ele foi preso e apresentado na delegacia da Polícia Civil. Todo armamento foi apreendido sob proteção e guarda especial.

Pena - Conforme o Estatuto do Desarmamento o crime da entrada de armamento sem autorização é de reclusão de 4 a 8 anos, mas no caso de o armamento, acessório ou munição ser de uso proibido a pena é aumentada da metade.

A utilização de armas de calibre proibido está relacionada a crimes graves como assaltos a bancos, carros fortes e enfrentamento às Polícias, geralmente para aumentar o poder de fogo do Crime Organizado.

Apreensão - Em 2016, já foram apreendidas mais de 6.000 munições e 53 armas pela Polícia Rodoviária Federal em Mato Grosso do Sul.

Marido agride mulher com garrafada e se tranca em casa com medo da polícia
Mulher de 42 anos foi agredida pelo marido com uma garrafada no sábado (3), após ser vista conversando com as amigas em sua casa em Dourados, distant...
Domingo é de redação no segundo dia de prova do Enem em Paranaíba
Candidatos do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) em Paranaíba, distante 422 quilômetros de Campo Grande, fazem neste domingo (4) as provas de reda...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions