A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

16/04/2013 17:23

Giroto pede a liberação de recursos para dar continuidade a Sul-Fronteira

Gabriel Neris
Reunião aconteceu na tarde desta terça-feira (16) com secretários e parlamentares (Foto: Divulgação)Reunião aconteceu na tarde desta terça-feira (16) com secretários e parlamentares (Foto: Divulgação)

A conclusão das obras da Rodovia Sul-Fronteira, a MS-165, foi discutida nesta terça-feira (16) entre o secretário de Obras Públicas e Transportes de Mato Grosso do Sul, Edson Giroto (PMDB), com o secretário Nacional de Defesa Civil do Ministério da Integração Nacional, Coronel Humberto Vianna. A liberação de R$ 43 milhões depende do Ministério.

Veja Mais
Pistoleiro executa morador em acerto de tráfico de drogas na fronteira
Boliviana indiciada após tragédia com voo da Chape pede refúgio em MS

O acompanhamento dos trabalhos é feito pela Sudeco (Superintendência de Desenvolvimento do Centro-Oeste).

Giroto solicitou a reprogramação de convênio de R$ 6,5 milhões e a liberação de R$ 37,6 milhões para dar continuidade à pavimentação dos 62 quilômetros da rodovia entre Ponta Porã e Coronel Sapucaia. A obra está paralisada por falta de reprogramação.

Na reunião ainda foram solicitados R$ 42 milhões para contenção de enchentes do Rio Taquari, em Coxim, para obras de controle da erosão no curso d’água e na bacia do Córrego Criminoso. Ainda será feita uma bacia de detenção de águas de enchentes, com capacidade para 240 mil metros cúbicos, desassoreamento de 900 metros de canal e recuperação de 161 mil metros quadrados de áreas destruídas por erosões.

Para o município de Cassilândia a proposta é fazer a urbanização do Fundo de Vale, com pavimentação asfáltica de ruas e drenagem de águas pluviais, entre a avenida Juracy Lucas e a rua Sebastião Martins da Silva, totalizando 6,3 quilômetros. As obras devem custar R$ 18 milhões.

“É importante evitar que o Córrego Cedo volte a transbordar, alagando casas e causando prejuízos a toda a população sul-mato-grossense. Estão assegurados no Orçamento da União R$ 800 mil para o projeto que vai conter as enchentes no Rio Taquari”, enfatiza o secretário e deputado federal licenciado.

Boliviana indiciada após tragédia com voo da Chape pede refúgio em MS
A boliviana Celia Castedo Monasterio, indiciada pelo Ministério Público de seu país por ter autorizado o plano de voo da Chapecoense, com saída em Sa...
Hospital Universitário de Dourados alerta para golpe do falso médico
Falso médico estaria agindo em nome do HU-UFGD (Hospital Universitário da Universidade Federal da Grande Dourados) e nesta segunda-feira entrou em co...



ingraçado giroto diz que vai duplicar as BR federais do MS, acontece que essas rodovias estao em em discusão para ser privatiza, será que o secretaria que tirar alguns dividendos dessas obra. Acorda MS!
 
eder moreira em 16/04/2013 20:00:35
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions