A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

26/12/2013 22:04

Governo entrega 50 casas para moradia de bombeiros e policiais em Corumbá

Vinícius Squinelo

O Governo do Estado entregou, na tarde desta quinta-feira (26), 50 unidades habitacionais que integram o programa “Casa de Polícia”. Os imóveis fazem parte das 1.200 casas construídas pela administração estadual no bairro Maria Leite, em Corumbá, e foram cedidos para moradia transitória dos policiais, durante o tempo em que prestarem serviço na região. A Secretaria de Justiça e Segurança Pública é quem define os critérios para ocupação.

Veja Mais
Estado de saúde de menino abusado por adolescentes é considerado grave
Usina de energia deve gerar R$ 65 milhões de receita ao ano para o município

“É um programa em que são produzidas moradias para uso por agentes de segurança dos Bombeiros, Polícia Civil e Polícia Militar durante o tempo em que estiverem na ativa e prestando serviço na cidade. Lá, só poderão morar policiais dessas três forças que estejam na ativa aqui em Corumbá ou Ladário”, explicou ao Diário Corumbaense o secretário de Estado de Habitação e das Cidades, Carlos Marun.

Das 50 unidades habitacionais, 30 foram destinadas para a Polícia Militar; 10 para o Corpo de Bombeiros e outras 10 para a Polícia Civil. Cada casa possui trinta e dois metros quadrados, distribuídos em dois quartos, sala, cozinha e banheiro. Em cada imóvel foram investidos R$ 30 mil. A construção das unidades habitacionais faz parte do Programa "MS Cidadão - Casa da Gente".

O cabo bombeiro Márcio Junior Romero, que recebeu a chave da casa das mãos do secretário de Habitação, destacou que além de proporcionar economia, o programa habitacional permite que a família fique junto do policial. “Dá a facilidade de termos nossa família junto conosco. Isso permite desenvolver um trabalho melhor. É também uma despesa a menos, aluguel aqui é extremamente caro, e isso ajuda bastante”, afirmou o militar que atua no 3º Grupamento de Bombeiros.

Soldado da Polícia Militar, Marizete Flores dos Santos, lotada no 6º Batalhão da PM, destacou a dificuldade que teve para alugar um imóvel na cidade. “Aqui em Corumbá é difícil encontrar casas para alugar, eu mesma tive bastante dificuldade. Por ser uma vila de policiais, creio que vá ajudar até na segurança do bairro. E não pagar aluguel já é uma grande ajuda”, disse, ainda conforme o Diário Corumbaense.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions