A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

13/04/2014 15:21

Grupo armado rende família e leva jóias avaliadas em R$ 40 mil

Zana Zaidan

Uma família foi rendida em casa na manhã de hoje (13) por um homem armado, no bairro Vila Guarani, em Corumbá, a 419 quilômetros de Campo Grande. Os donos da casa, um casal de 41 e 32 anos, foi abordado por um homem que escondia o rosto com uma camiseta, e pedia que entregassem um mostruário de jóias, avaliado em R$ 40 mil. A vítima vende joias na cidade há oito anos. 

Veja Mais
Força Nacional vai continuar por mais 30 dias em área onde índio foi morto
Apenas 60% dos inscritos no Enem participam da segunda prova em MS

Os filhos do casal, de um e seis anos, estavam em casa no momento do crime. Além das jóias, foram levados R$ 1 mil em dinheiro, celulares, e as chaves de um carro e uma moto estacionados na garagem. Do lado de fora, outros dois homens aguardavam a ação do bandido armado. Um deles teria sido identificado pela Polícia Militar.

Conforme o boletim de ocorrência, o dono da casa acordou por volta das 6h20 e, ao abrir a porta dos fundos, foi surpreendido pelo homem armado, que o rendeu e o obrigou a entrar na casa. Ele mandou o casal deitar de bruços no chão do quarto, e ordenou que a mulher entregasse as jóias.

Ela foi até o carro, abriu o porta malas e entregou o mostruário. O homem fazia ameaças e, o tempo todo, dizia que se ela não obedecesse ou o denunciasse, mataria a família dela. O assaltante procurava, ainda, por uma arma, no entanto, a vítima afirmou à Polícia que não possui nenhuma.

Depois de revirar o guarda roupa por cerca de meia hora, o homem desistiu de encontrar a arma e fez uma ligação, em que teria dito “JÁ TÁ NÁ”, e saiu em seguida, levando as chaves dos veículos e celulares para impedir que acionassem socorro.

Minutos depois, o casal saiu da casa e pediu ajuda de vizinhos. A PM foi acionada e levou a foto de um homem conhecido na cidade como “Pixote”, que foi reconhecido pela mulher.

O caso foi registrado como roubo com emprego de arma na 1ª Delegacia de Polícia de Corumbá.

Trabalhador morre ao sofrer descarga elétrica durante conserto de bomba d'água
José Antônio Farias, 51, morreu após sofrer uma descarga elétrica enquanto arrumava uma bomba d'água às margens de uma lagoa, no distrito de Lagoa Bo...
Ciclista morre ao ser atingido por vários tiros disparados por dupla em moto
Wellington Ronaldo de Souza, 34, foi morto a tiros ao ser abordado por dois homens que estavam em uma moto. O homicídio aconteceu às 20h30 de domingo...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions