A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 24 de Outubro de 2014

01/12/2010 22:17

Homem cai em golpe de “Plano Collor” e tem prejuízo de mais de R$ 6 mil

João Humberto

Salvador Augusto Maciel Ribeiro, de 63 anos, perdeu R$ 6.136,00 hoje à tarde, em Dourados, ao ser vítima do golpe do Plano Collor. Ele registrou boletim de ocorrência na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário).

A vítima contou que recebeu uma ligação de uma pessoa que se identificou como “Doutor Ataliba” e que pedia para Salvador telefonar para um homem de nome “Doutor Pedrosa”, com prefixo de Brasília (DF).

Do outro lado da linha, Ataliba disse que Pedrosa era funcionário do Banco Central em Brasília. Salvador telefonou para ele e recebeu a informação de que em seu nome existia uma ação referente ao Plano Collor, em que a vítima teria direito a uma compensação no valor de R$ 59 mil.

No entanto, Salvador deveria efetuar depósito no valor de R$ 1.624,00 para custear despesa Seguindo a orientação recebida pelo golpista, a vítima procurou uma agência do Banco Bradesco e depositou um cheque de R$ 1.624,00 numa conta em nome de Nayara Cristina Moreira Rodrig e outro de R$ 968 em nome de Michel Braim Souza Rocha.

Após realizar os depósitos, Salvador telefonou para Pedrosa e o informou sobre as transações bancárias. O golpista alegou que depósito de cheque não servia, sendo necessário um depósito em dinheiro e que, devido a um novo cálculo, o valor da ação havia subido repentinamente para R$ 81.630,00, sendo necessário a transferência de mais dinheiro.

Salvador foi até uma agência lotérica e depositou mil reais em nome de Cicília Aparecida Alves Lima, mil na conta de Jonhatan de Souza Ribeiro e R$ 920 em nome de José William Santos. Depois disso, o valor de R$ 624 foi depositado mais uma vez na conta de Nayara.

Com os depósitos feitos, Salvador entrou em contato de novo com Pedrosa e foi informado a aguardar o depósito do valor prometido na ação.

Veja Também
Homem é encontrado morto boiando em córrego
José Raimundo Dias, 50 anos, foi encontrado morto boiando nas águas do Córrego Cedro, ao fundo da Estação de Tratamento de Água de Cassilândia.O corp...
Sobrinho tenta matar tio a golpes de foice na Aldeia Bororó
Simão Alexandre Cardoso, 55 anos, foi ferido a golpes de foice pelo sobrinho Adão Brites Amarilia, 31 anos, no fim da tarde desta quinta-feira (23), ...
imagem transparente

Desenvolvido por Idalus Internet Solutions