A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

26/10/2016 21:53

Homem que era mantido sob trabalho escravo mesmo doente é resgatado

Trabalhador é resgatado da condição análoga à de escrava em Vicentina/MS

Nyelder Rodrigues

Foi resgatado pelo DOF (Departamento de Operações de Fronteira), após denúncia recebida pelo MPT-MS (Ministério Público do Trabalho em Mato Grosso do Sul), um homem de 54 anos que era mantido em condições análoga a de escravo em uma área rural de Vicentina - município localizado a 255 km de Campo Grande.

Veja Mais
PMA recebe 28 crianças para palestras sobre conservação ambiental
Homem é baleado após agredir suspeito envolvido em acidente

Conforme relato, o trabalhador estava doente e, mesmo assim, era forçado a permanecer no local de trabalho por medo de ser morto pelo empregador. O homem vivia em condições sub-humanas, bebendo água de represa, tomando banho em córrego e dormindo sobre madeiras cobertas por lona, diz o MPT.

Ele trabalhava na atividade de corte de eucalipto e foi resgatado logo após o MPT receber a denúncia, acionando o DOF. A partir de então, o MPT buscou resolver a situação trabalhista.

Foi firmado um TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) com os empregadores, sendo também anotado na CTPS (Carteira de Trabalho e Previdência Social) do trabalhador o tempo em que o resgatado trabalhou para eles.

No caso, foram três meses de serviços prestados que resultaram em pagamento de R$ 5.467,18 em verbas rescisórias e também por indenização por danos morais, devido às condições em que o trabalhador foi mantido no local.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions