A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

31/01/2012 11:53

Homem que matou mulher na frente dos filhos é acusado de estuprar filha

Paula Vitorino

Wander Arantes da Costa, de 43 anos, que matou em outubro do ano passado a ex-mulher a facadas na frente dos três filhos, está sendo acusado de estuprar a filha mais velha, de 14 anos.

Veja Mais
Homem acusado de matar ex-mulher na frente dos filhos é preso em Dourados
Cinco pessoas são atingidas por raio em colheita de cana e uma morre

De acordo com reportagem do site Dourados Agora, ele nega a acusação, mas a menina garante que o pai tirou sua virgindade. Ela diz que o estupro aconteceu no início do ano passado, quando tinha 13 anos.

Segundo contou para a Polícia, ela estava em casa com o pai quando ele começou a passar a mão pelo seu corpo. A menina diz que tentou correr, mas foi o pai tampou sua boca e a arrastou até a cama.

Depois de estuprar a menina, o pai a teria ameaçado dizendo que se contasse para alguém ele mataria ela e a mãe. Segundo a garota, os abusos passaram a acontecer frequentemente, sempre à tarde, quando a mãe estava trabalhando, um dos filhos na escola e o mais novo, de 4 anos, era colocado para dormir.

Na época a garota teria entrado em depressão. Familiares, inclusive a mãe Jamile Letícia de Souza Santos, de 29 anos, chegaram a notar o comportamento diferente da menina, que só a verdade para a avó no dia 29 de dezembro do ano passado.

A denúncia foi prestada na delegacia após a volta do recesso de fim de ano, em 5 de janeiro.Um dia antes, a garota disse que recebeu um telefonema de seu pai, que está preso na Penitenciária Harry Amorim Costa, em Dourados, a ameaçando de morte caso contasse a verdade.

Todas as acusações feitas pela garota foram negadas por Wander, inclusive sobre o uso do celular, dentro do presídio. A Polícia Civil já solicitou exame de corpo de delito da jovem.

Crime - Wander matou a mulher no dia 30 de outubro do ano passado, por volta das 6h30, na casa da família. De acordo com a Polícia, Wander foi ao local para tentar reconciliar-se com a manicure, mas houve discussão e ele avançou contra ela com uma faca. Jamile foi atingida no lado direito do rosto, na mão direita e no peito.

Conforme a polícia, Wander esfaqueou Jamile na frente dos três filhos. Ele contou na delegacia que estava enraivecido porque ela não queria reatar o casamento e porque teria dito a uma amiga dela que Wander era um homem violento. Ela já teria prestado queixa na polícia sobre a violência do ex.

O assassinato gerou revolta de amigos e familiares da manicure, que realizaram passeata na cidade.

Cinco pessoas são atingidas por raio em colheita de cana e uma morre
Um trabalhador rural identificado como Abmael Fernandes dos Santos, de 30 anos, morreu na tarde desta quarta-feira (7) ao ser atingido por um raio en...
Autores de 'arrastão' são presos após perseguição de moto; veja o vídeo
"Desculpem os palavrões, mas há situações em que a gentileza não é prioridade". Assim a Getam (Grupamento Especial Tático de Motos) publicou nesta qu...



Um monstro desses merece morrer...quando sair do presídio vai fazer tudo de novo. Que ódio desse sujeito, dá vontade de linchar, acabar com qualquer pedaço que sobrar dele, pra não "contaminar nem o ar"...é revoltante!!
 
Joanne Pereira em 31/01/2012 11:09:43
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions