A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 16 de Janeiro de 2017

24/09/2013 07:01

Homem que matou rival a facadas em baile é preso em Aquidauana

Bruno Chaves
Arlindo foi preso momentos após o crime (Foto: Divulgação/PC)Arlindo foi preso momentos após o crime (Foto: Divulgação/PC)

Acusado de matar Rodney dos Santos, 25 anos, no dia 22 de setembro deste ano, após um baile em Aquidauana, Arlindo Pereira Silveiro, 31 anos, foi preso momentos depois do crime em uma chácara localizada em Anastácio – a 135 quilômetros de Campo Grande.

Veja Mais
Jovem leva facadas e é encontrado morto; autor do crime ainda está foragido
Duas pessoas são assassinadas em barraco perto de assentamento

Segundo a Polícia Civil, o assassinato ocorreu por ciúmes. Investigações apontaram que a ex-namorada de Rodney foi o pivô da briga que acabou em morte. Os três participaram do baile em um clube quando houve um desentendimento. A vítima, com medo de confusão saiu e foi embora.

Em seguida o acusado Arlindo e a mulher também saíram. No trajeto entre o baile e a casa, a vítima foi abordada pelo autor que, sem falar nada, sacou um punhal e acertou dois golpes no tórax de Rodney, que não resistiu aos ferimentos e morreu na hora.

Arlindo foi preso logo após o crime, em uma chácara localizada na área rural de Anastácio, próximo ao local conhecido por “Córrego do Acôgo”. Com ele, os policiais encontraram um punhal de 21 centímetros.

Arlindo alegou que a vítima teria “falado mal da sua mulher” e por não ter gostado da atitude, resolveu matar o rival. Após ser autuado em flagrante por homicídio doloso, o acusado foi levado para uma das celas da Delegacia de Polícia Civil de Aquidauana, onde aguarda transferência para o presídio.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions