A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

02/06/2015 14:56

Homens foram mortos por vingança contra sobrinho foragido, acredita polícia

Liana Feitosa
Sobrinho das vítimas está foragido. (Foto: Divulgação/ Polícia)Sobrinho das vítimas está foragido. (Foto: Divulgação/ Polícia)

A polícia de Coronel Sapucaia, a 400 quilômetros de Campo Grande, trabalha com a hipótese de que os irmãos Pavon, executados no último domingo (31), podem ter sido vítimas de vingança devido às ações criminosas de Eberton Pavon, o Tonzinho, sobrinho das vítimas.

Veja Mais
Pajero com 5 passageiros sai da pista, capota e “sobe” em poste de energia
Mãe para velório e retira corpo da filha ao descobrir tentativa de aborto

De acordo com o site A Gazeta News, caso a investigação confirme a suposição, o delegado acredita que toda a família de Tonzinho corra risco de se tornar alvo de outras ações criminosas. Antônio Pavon, de 37 anos, e Ivaldo Pavon, de 40, foram executados com tiros de pistola 9mm dentro de casa.

Segundo o delegado responsável pelo caso, Roberto Duarte Faria, os indícios são de que os irmãos assassinados eram pessoas trabalhadoras e que não tinham envolvimento com ações ilícitas. A família ainda alegou que o tios e sobrinho mantinham bom relacionamento.

Já Tonzinho tem extensa ficha criminal e é procurado pelas polícias do Brasil e do Paraguai por diversos crimes, entre eles assaltos à mão armada.

Ainda de acordo com A Gazeta News, tramitam no TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) três processos criminais contra Tonzinho, um por homicídio, outro por ameaça e, o terceiro, por roubo.

Além disso, Eberton Pavon é acusado de ter assaltado uma comerciante no último final de semana. O delegado recomendou à família do foragido que o convença a se entregar às autoridades com o objetivo de manter a integridade física dele próprio e de seus familiares.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions