A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

20/02/2015 17:21

Indígena baleada em atentado foi transferida para Dourados em estado grave

Priscilla Peres

A indígena Sineia Benítez, 33, que foi baleada na manhã de hoje durante um atentado na fronteira entre Brasil e Paraguai, está em estado grave e foi encaminhada para atendimento de emergência em Dourados - distante 233 km de Campo Grande. A princípio, a informação é de que ela teria morrido.

Veja Mais
Bandidos matam marido de vereadora e balas perdidas acertam mãe e filha
Justiça determina instalação de rede de esgoto em Nova Alvorada do Sul

De acordo com o Hospital Municipal Nossa Senhora da Conceição em Paranhos, ela é mãe de Edi Da Silva, de 15 anos, que também foi atingida pelos tiros e morreu no local. Por ser brasileira, Sineia foi socorrida e levada para o hospital por moradores.

Ambas foram atingidas por engano enquanto passavam pela internacional Ypejhú – Paranhos. Os cerca de 35 tiros de fuzis AK-47 foram disparados contra o VW Gol vermelho, para atingir Gregorio López Salinas, de 37 anos, varido de uma vereadora do Paraguai.

 




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions