A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

22/06/2013 19:40

Indígenas quebram acordo e voltam a invadir fazenda em Sidrolândia

Evelyn Souza

Indígenas quebraram o acordo e voltaram a invadir a fazenda Água Clara, na tarde desse sábado (22), em Sidrolândia.

Veja Mais
Com investimento de R$ 650 milhões, cooperativa lança duas unidades em MS
Segurança em Dourados ganha reforço de 15 câmeras nesta terça-feira

O acordo havia sido firmado na última quinta-feira (20), com entidades ruralistas, governo do Estado, lideranças indígenas, entidades ligadas à Igreja Católica, o ministro Chefe da Casa Civil, Gilberto Carvalho, Funai e outras autoridades.

A fazenda invadida pertence ao produtor rural Afrânio Pereira.

As informações foram repassadas hoje por proprietários rurais da região à Acrissul (Associação dos Criadores de Mato Grosso do Sul).

De acordo com a Associação dos criadores,o acordo que previa a disponibilidade de fazendas para a aquisição pela União para ampliação das reservas indígenas, foi quebrado após as invasões. Ainda segundo a Acrissul, os proprietários disseram não estão mais dispostos a vender as áreas para a União.

Na região de Sidrolândia, principalmente na região da Aldeia Buriti, já são mais de 20 invasões registradas, sendo que a fazenda Buriti, do ex-deputado Ricardo Bacha, teve sua sede incendiada e completamente destruída pelos indígenas da etnia terena, que mantém ações de invasões em diversos municípios de Mato Grosso do Sul.




Enquanto o Poder Judiciário não fizer com que se cumpra a ordem de despejo essa questão não se resolve! Ora, se o TRF já disse que as terras invadidas não são indígenas duas questões ficam muito claras: a primeira, que a invasão é ato ilícito de esbulho dos índios para com a propriedade privada; a segunda, que todos os atos administrativos praticados no processo administrativo de demarcação são nulos e portanto não produzem efeitos. É nesse ponto que há má fé do Governo Federal! Negociar o quê? A negociação já realizada entre proprietários rurais e Governo Federal e Estadual se revela uma legitimação do ilícito! Dai porque essa questão não tem fim! Um pena!
 
Cícero Costa em 23/06/2013 08:01:09
Com a falta de moral do governo federal que por sua vez desmoralizou a justiça sugiro que os índios comecem a invadir todo o território nacional, afinal que moral tem a Dilma para tomar uma providencia que resulte em cumprimento de ordem judicial, a baderna esta instalada o que é desobediência passou a ser dialogo, o que é roubo passa a ser direito, o que é invasão passou a ser motivo de estudo antropológico. Vale a pena nesse período e nesse governo ser fora da lei, basta que a turma de Brasilia legalize com uma penada....
 
Horlando P. de Mattos em 22/06/2013 21:39:46
Depois ficam irritados quando alguem diz que nao se pode confiar neles
 
Alex Andre De Souza em 22/06/2013 21:32:47
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions