A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

04/04/2011 15:09

Índios invadem novamente fazenda de Pedrossian, em Miranda

Nadyenka Castro

Outra propriedade também foi invadida

Grupo de aproximadamente 50 indígenas invadiu no início da tarde desta segunda-feira a fazenda Petrópolis, em Miranda, que pertence à família do ex-governador Pedro Pedrossian.

De acordo com a PM (Polícia Militar), os terena que estão na propriedade rural são da aldeia Argola e estão “tranqüilos”. Eles aguardam a presença dos proprietários para negociarem a saída.

Já na fazenda Charqueada, próxima a Petrópolis, o clima é mais tenso, conforme a PM. Grupo de 40 índios está no local desde a manhã de hoje.

Os indígenas da aldeia Mãe Terra estão armados com foice, machados, arcos, lanças e não aceitaram conversar com os policiais militares.

A briga por terra entre proprietários rurais e indígenas é antiga na região de Miranda. A fazenda Petrópolis já foi invadida várias vezes.

Em uma delas, em outubro de 2009, os índios permaneceram no local até maio de 2010 e só saíram por determinação judicial após negociação com a Polícia Federal.

Os índios dizem que as terras pertencem a eles.

Homem morre ao sofrer descarga elétrica durante conserto de bomba d'água
José Antônio Farias, 51, morreu após sofrer uma descarga elétrica enquanto arrumava uma bomba d'água às margens de uma lagoa, no distrito de Lagoa Bo...
Ciclista morre ao ser atingido por vários tiros disparados por dupla em moto
Wellington Ronaldo de Souza, 34, foi morto a tiros ao ser abordado por dois homens que estavam em uma moto. O homicídio aconteceu às 20h30 de domingo...
Durante briga em lanchonete, homem é esfaqueado e morre a caminho do hospital
Francisco Torales Monteiro, 32, foi encontrado ferido e agonizando em uma lanchonete de posto de combustível por volta de 00h05 desta segunda-feira (...
Pedestre é atropelado e morto por motociclista embriagado e sem CNH
Davi Ezequiel Barreto, 52, morreu atropelado após ser atingido pela moto conduzida por Ednilson de Oliveira, 21, que estava supostamente embriagado. ...



Interessante ver os defensores dos fazendeiros(obviamente pertencentes à suas famílias) falarem de títulos de propriedades, de posse legítima, que suas terras foram compradas, etc. Tudo falácias. Na verdade, aconteceu aqui, no passado, o que acontece hoje no Pará. Fazendeiros chegam, matam quem estiver na terra, sejam índios ou posseiros, e, depois, com a cumplicidade dos tabeliães, as registram como suas.
Ninguem fala sobre isso, mas sabemos que os grandes coronéis que dominaram a política deste estado nas ultima decadas, até fim dos anos 90, são donos de quase metade da área total. E essas terras foram conseguidas na base da força.
 
ricardo griao em 06/06/2011 07:32:18
É uma vergonha a maioria das LEIS brasileiras, são eleboradas pela emoção, não pela administração, é onde vem ocorrendo as intranquilidades, onde ÍNDIOS, NEGROS, MULHERES, MENORES, que são pessoas normais, segundo a CONSTITUIÇÃO FEDERAL, segundo DEUS, que não existe desigualdade, não tem cor, nem raças, mas as LEIS BRASILEIRAS, dão o direito emocional destas classes, e dá isso que esta dando tumultuando a direção dos que adquirem com dificuldades, precisa o CONGRESSO, CÂMARA DOS DEPUTADOS FEDERAIS, ESTADUAIS E VEREADORES, LEGISLADORES, deste PAÍS, reverem isto, e acabar com o privilégio e sim o direito legado atual, quem quiser ter as coisas, terão que ter títulos, poder aquisitivo, coragem para o trabalho e progresso não desistimularem os que fazem, porque os que não fazem são donos da verdade, da incoerência, senhores ELEITORES deste PAÍS, vão aos seus POLÍTICOS, e peças correção sobre isso, e somente eles abaixo de DEUS, poderão consertar as LEIS, e o BRASIL, voltar a tranquilidade de DEUS, que diz, CADA UM PEGUE SUA FERRAMENTA E TRABALHEM, pois quem trabalha, luta, vence, são filhos de DEUS, os que não fazem isto, não são, só falta explicação para sociedade, que invasão somente autorizada JUDICIALMENTE, subordinada a LEI, não ao puder de classe, cor, QUE DEUS ABENÇOE OS POLÍTICOS DO MEU PAÍS, que representam a sociedade, tem autoridade de DEUS, se justos, se injustos estão no caminho do MAL, se não tem conhecimento divino, que se ajoelhem e peçam conhecimento a DEUS, que ele dará, e assim teremos órdem, disciplina, hierárquia, moral, e iremos para o progresso não para informações estressante, que mais veícula neste PAÍS, QUE ABENÇOEM.
 
PEDRO BRAGA em 05/04/2011 07:10:46
Muito facil alegar que a "terra" pertence aos indios. Porque nao desapropiam a cidade de Sao Paulo, Rio de Janeiro, Porto Seguro, etc. Qualquer nacao 'e criada em cima de conquistas sobre outos povos. Esses povos incorporam a nova nacao ou sao exterminados. Adimiro quem usa desses atributos e essas ONGs que causam desconforto e instabilidade na maior riqueza do Brasil, o setor produtivo, que move o Brasil e alimenta o mundo. Fazer cortesia com chapeu alheio e facil.
 
Carlos Antunes de Castro em 05/04/2011 06:50:44
Parabéns ao povo Terena de Miranda pela heróica resistência na luta por direitos!
Esperamos muito que suas reivindicações sejam atendidas.
Força a todas e todos os Terena que não se calaram às vontades e bel prazer dos nossos incompetentes governantes que querem que a realidade de conflito continue para que, mais uma vez, somente os ricos de nosso estado possam continuar se beneficiando com a demora na solução das demarcações de terras e da Justiça para com os pobres, maioria do povo de nosso estado.
 
Lucia Marlô em 04/04/2011 08:48:11
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions