A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 18 de Janeiro de 2017

04/04/2011 15:09

Índios invadem novamente fazenda de Pedrossian, em Miranda

Nadyenka Castro

Outra propriedade também foi invadida

Grupo de aproximadamente 50 indígenas invadiu no início da tarde desta segunda-feira a fazenda Petrópolis, em Miranda, que pertence à família do ex-governador Pedro Pedrossian.

De acordo com a PM (Polícia Militar), os terena que estão na propriedade rural são da aldeia Argola e estão “tranqüilos”. Eles aguardam a presença dos proprietários para negociarem a saída.

Já na fazenda Charqueada, próxima a Petrópolis, o clima é mais tenso, conforme a PM. Grupo de 40 índios está no local desde a manhã de hoje.

Os indígenas da aldeia Mãe Terra estão armados com foice, machados, arcos, lanças e não aceitaram conversar com os policiais militares.

A briga por terra entre proprietários rurais e indígenas é antiga na região de Miranda. A fazenda Petrópolis já foi invadida várias vezes.

Em uma delas, em outubro de 2009, os índios permaneceram no local até maio de 2010 e só saíram por determinação judicial após negociação com a Polícia Federal.

Os índios dizem que as terras pertencem a eles.




Interessante ver os defensores dos fazendeiros(obviamente pertencentes à suas famílias) falarem de títulos de propriedades, de posse legítima, que suas terras foram compradas, etc. Tudo falácias. Na verdade, aconteceu aqui, no passado, o que acontece hoje no Pará. Fazendeiros chegam, matam quem estiver na terra, sejam índios ou posseiros, e, depois, com a cumplicidade dos tabeliães, as registram como suas.
Ninguem fala sobre isso, mas sabemos que os grandes coronéis que dominaram a política deste estado nas ultima decadas, até fim dos anos 90, são donos de quase metade da área total. E essas terras foram conseguidas na base da força.
 
ricardo griao em 06/06/2011 07:32:18
É uma vergonha a maioria das LEIS brasileiras, são eleboradas pela emoção, não pela administração, é onde vem ocorrendo as intranquilidades, onde ÍNDIOS, NEGROS, MULHERES, MENORES, que são pessoas normais, segundo a CONSTITUIÇÃO FEDERAL, segundo DEUS, que não existe desigualdade, não tem cor, nem raças, mas as LEIS BRASILEIRAS, dão o direito emocional destas classes, e dá isso que esta dando tumultuando a direção dos que adquirem com dificuldades, precisa o CONGRESSO, CÂMARA DOS DEPUTADOS FEDERAIS, ESTADUAIS E VEREADORES, LEGISLADORES, deste PAÍS, reverem isto, e acabar com o privilégio e sim o direito legado atual, quem quiser ter as coisas, terão que ter títulos, poder aquisitivo, coragem para o trabalho e progresso não desistimularem os que fazem, porque os que não fazem são donos da verdade, da incoerência, senhores ELEITORES deste PAÍS, vão aos seus POLÍTICOS, e peças correção sobre isso, e somente eles abaixo de DEUS, poderão consertar as LEIS, e o BRASIL, voltar a tranquilidade de DEUS, que diz, CADA UM PEGUE SUA FERRAMENTA E TRABALHEM, pois quem trabalha, luta, vence, são filhos de DEUS, os que não fazem isto, não são, só falta explicação para sociedade, que invasão somente autorizada JUDICIALMENTE, subordinada a LEI, não ao puder de classe, cor, QUE DEUS ABENÇOE OS POLÍTICOS DO MEU PAÍS, que representam a sociedade, tem autoridade de DEUS, se justos, se injustos estão no caminho do MAL, se não tem conhecimento divino, que se ajoelhem e peçam conhecimento a DEUS, que ele dará, e assim teremos órdem, disciplina, hierárquia, moral, e iremos para o progresso não para informações estressante, que mais veícula neste PAÍS, QUE ABENÇOEM.
 
PEDRO BRAGA em 05/04/2011 07:10:46
Muito facil alegar que a "terra" pertence aos indios. Porque nao desapropiam a cidade de Sao Paulo, Rio de Janeiro, Porto Seguro, etc. Qualquer nacao 'e criada em cima de conquistas sobre outos povos. Esses povos incorporam a nova nacao ou sao exterminados. Adimiro quem usa desses atributos e essas ONGs que causam desconforto e instabilidade na maior riqueza do Brasil, o setor produtivo, que move o Brasil e alimenta o mundo. Fazer cortesia com chapeu alheio e facil.
 
Carlos Antunes de Castro em 05/04/2011 06:50:44
Parabéns ao povo Terena de Miranda pela heróica resistência na luta por direitos!
Esperamos muito que suas reivindicações sejam atendidas.
Força a todas e todos os Terena que não se calaram às vontades e bel prazer dos nossos incompetentes governantes que querem que a realidade de conflito continue para que, mais uma vez, somente os ricos de nosso estado possam continuar se beneficiando com a demora na solução das demarcações de terras e da Justiça para com os pobres, maioria do povo de nosso estado.
 
Lucia Marlô em 04/04/2011 08:48:11
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions