A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

17/05/2011 11:25

Índios Kaiowá e Guarani ocupam área em Rio Brilhante

Fabiano Arruda

Índios das etnias Kaiowá e Guarani ocupam parte de área, conhecida como Laranjeira Nhanderu, onde fica a fazenda Santo Antônio de Boa Esperança, no município de Rio Brilhante, a cerca de 160 quilômetros de Campo Grande.

Eles esperam a visita de representantes do MPF (Ministério Público Federal).

Os indígenas, que estão no local desde sexta-feira, já fizeram outras ocupações na região em 2008 e 2009. Segundo informações do Cimi (Conselho Indigenista Missionário), desde então, a comunidade, formada por cerca de 400 pessoas, vive acampada às margens da BR-163.

A terra Indígena Laranjeira Nhanderu vem sendo reivindicada há anos pelos Kaiowá e Guarani e está inclusa nos atuais Grupos de Trabalho para fins de demarcação pelo governo federal.

Em 2007, um TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) foi assinado entre lideranças indígenas, Ministério Público Federal do MS e Funai.

Este compromisso obriga a Funai a promover a identificação de 36 terras tradicionais reivindicadas pelo povo Kaiowá e Guarani distribuídos em 6 bacias hidrográficas do sul de Mato Grosso do Sul. Neste termo está incluída a terra indígena Laranjeira Nhanderu.

Sidrolândia - Outra ocupação feita pelos índios ocorre no município de Sidrolândia, desde o dia 10. Mais de 2 mil terena estão acampados na Fazenda 3R.

Segundo o chefe de monitoramento ambiental e territorial da Funai em Campo Grande, Ricardo Araújo, os acampados aguardam a decisão da Justiça pacificamente e pela reunião pré-agendada entre os dias 30 de maio e 3 de junho na diretoria de assuntos fundiários, na Funai, em Brasília.




Sucesso nas reivindicações dos Guarani Kaiowá!
Chega de descaso com as comunidades indígenas.
Queremos ver esses governos de corruptos trabalhar e resolver essa questão das demarcações.
 
Ciro Siskind em 17/05/2011 01:28:04
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions