A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 22 de Janeiro de 2017

08/07/2013 14:23

Jovem confessa que matou indígena com 37 facadas em Caarapó

Evelyn Souza
Edson confessou o crime. (Foto: Dourados News)Edson confessou o crime. (Foto: Dourados News)

Edson da Silva, de 18 anos foi preso e um adolescente de 15 apreendido pelo assassinato do indígena Vanderson Quevedo, de 16 anos. O crime aconteceu no último sábado (6), em Caarapó.

De acordo com o Dourados News, os envolvidos disseram a Polícia que mataram o indígena porque ele teria tentado estuprar a namorada de um deles.

Vanderson, que morava na aldeia Tey Kuê, foi morto com 37 facadas. O corpo dele foi encontrado em uma estrada vicinal, em Sanga Puitã. 

 Edson da Silva confessou o crime e foi encaminhado para a Polícia Civil de Caarapó. O menor já está na Unei da cidade.




e ainda dizem que o índio é incapaz...qual é.... ele é como eu e vc....
 
ligia castro em 09/07/2013 08:17:58
Esse vai preso não é policial militar, é um pobre coitado, se tivesse matado uma mulher sairia da cadeia que nem o policial militar que matou a esposa, ficaria impune, este é o nosso país o país da IMPUNIDADE, só tem punição para os mais fracos, e fracos mesmos são alguns juizes que nem miolo tem.
 
anderson lima em 08/07/2013 16:40:33
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions