A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

20/01/2015 17:20

Jovem fica ferida ao ser atingida por raio enquanto falava ao celular

Vania Galceran
Polícia Militar, socorreu jovem que levou uma descarga elétrica ao falar pelo celular em Fátima do sul. (Foto: Vicentina On Line)Polícia Militar, socorreu jovem que levou uma descarga elétrica ao falar pelo celular em Fátima do sul. (Foto: Vicentina On Line)

Uma jovem ficou ferida na tarde desta terça-feira (20), em Fátima do Sul, há 246 quilômetros da capital aos ser atingida por um raio enquanto falava ao celular. A ocorrência foi registrada na rua Presidente Vargas, área central da cidade. Helen Rubles de Mello, 19 anos, foi atingida pela descarga elétrica dentro de casa quando fazia uma ligação.

Veja Mais
Força Nacional vai continuar por mais 30 dias em área onde índio foi morto
Apenas 60% dos inscritos no Enem participam da segunda prova em MS

De acordo com informações da família, ao ser atingida a vítima teve uma convulsão, deixando todos desesperados. Um dos familiares acionou a Polícia Militar, que ao chegar no local encontrou a jovem deitada no sofá e iniciaram os primeiros socorros, desobstruindo as vias aéreas.

Logo após, Helen foi encaminhada aoo Pronto Socorro do Hospital da SIAS, onde foi medicada e permanece em observação. O quadro clinico é considerado estável. Segundo a família, ela estava falando ao celular fora da tomada de energia.

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, não precisa estar chovendo para cair raio. Basta a presença de nuvens escuras. A rede elétrica atrai os raios e andando pela casa você estará mais sujeito a receber um raio. E um dado importante, para alertar casos como o da jovem de Fátima do Sul, a melhor proteção é ficar dentro de casa e com a porta e janelas fechadas. Não permanecer próximo a perto de janelas e portas. Se a rua for tomada por uma enxurrada e começar a arrastar os carros, não fique de "curioso" na janela.

Casos de pessoas atingidas por raios no celular, vai se tornar cada vez mais comum, segundo o professor de geofísica espacial da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul), Widinei Alves Fernandes. Segundo ele, a jovem de Fátima do Sul, poderia ter sido atingida mesmo que não estivesse falando ao celular.

"A radiação que o celular causa  é insuficcente perto dos demais objetos que podem ter atraído a descarga elétrica, possivelmente isso aconteceu, porque a jovem deveria estar na varanda, na janela, ou num ponto de onibus, o fato é que nao estar um em local seguro, sim, pode ter sido o fator principal", comentou.

Trabalhador morre ao sofrer descarga elétrica durante conserto de bomba d'água
José Antônio Farias, 51, morreu após sofrer uma descarga elétrica enquanto arrumava uma bomba d'água às margens de uma lagoa, no distrito de Lagoa Bo...
Ciclista morre ao ser atingido por vários tiros disparados por dupla em moto
Wellington Ronaldo de Souza, 34, foi morto a tiros ao ser abordado por dois homens que estavam em uma moto. O homicídio aconteceu às 20h30 de domingo...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions