A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 21 de Fevereiro de 2017

09/06/2011 22:36

Justiça anula sentença que condenava Terenos a pagar R$ 24 milhões

Paulo Fernandes

Por unanimidade, a 5ª Turma Cível do TJ/MS (Tribunal de Justiça) deu provimento a um recurso do MPE (Ministério Público Estadual) anulando sentença que condenava a Prefeitura de Terenos a pagar uma multa de R$ 24 milhões por não resolver o problema de depósito de resíduos líquidos e sólidos.

Ontem, em tentativa de conciliação com o MPE (Ministério Público Estadual), o prefeito Humberto Rezende Pereira afirmou que o problema do lixão será resolvido definitivamente até dezembro deste ano.

A Prefeitura terá que resolver a destinação de resíduos sólidos, líquidos, hospitalares e de construção civil.

Na ocasião, o Desembargador Luiz Tadeu afirmou ser necessário “o entrosamento entre o Executivo municipal e a Promotoria para a resolução dos problemas que afligem a sociedade, porque, se a questão ficar submetida a infindáveis recursos, corre-se o risco de acabar a administração do atual Prefeito e o processo continuar sua tramitação, com enorme prejuízo aos munícipes, que acabam sofrendo as consequências da demora nas decisões judiciais”, afirmou. A execução, no caso, tramitava em Terenos desde 2005.

Jovem morre ao ser atingido por tronco de eucalipto enquanto cortava árvore
O trabalhador Sebastião Silva Oliveira, 21, morreu atingindo por uma tora de eucalipto enquanto cortava a árvore. O caso aconteceu na tarde de ontem ...
Corpo de homem não identificado é encontrado em casa à venda
Um homem ainda não identificado foi encontrado morto dentro de uma casa que está à venda na região central de Corumbá, distante 419 km de Campo Grand...
Homem que cumpria pena no semiaberto é executado a tiros; autor fugiu
Foi morto a tiros nesta segunda-feira (20) em Rio Negro - cidade localizada a 144 km de Campo Grande - Norimar Gastão Dutra Junior, de 28 anos. O cri...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions