A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

07/12/2011 19:20

Justiça autoriza ritual religioso a índios acampados em fazenda de Paranhos

Marta Ferreira

A Justiça Federal autorizou a realização de um ritual religioso entre sexta-feira, dia 9, e domingo, dia 12, na fazenda São Luiz, onde índios guarani-kaiowá estão acampados, em Paranhos. Em litígio, a área já teve três mortes, dos índios Teodoro Recalde, encontrado morto este ano, e dos irmãos Jenivaldo e Rolindo Vera, desaparecidos em 2009.

Veja Mais
Homem é preso com maconha escondida em banco de carro na MS-134
Idoso sofre sequestro relâmpago por supostos vendedores na fronteira

Só o corpo de Jenivaldo foi encontrado. O MPF (Ministério Público Federal) denunciou seis pessoas pelos crimes.

Indígenas de diversas localidades foram autorizados a entrar na fazenda para o ritual religioso.

O descumprimento pode gerar multa aos proprietários da área, que em setembro também foram obrigados pela Justiça a autorizar o sepultamento de Teodoro Recalde.

A decisão explica que, como os índios estão na posse da terra, por determinação do TRF (Tribunal Regional ) da 3ª Região, os rituais religiosos são considerados inerentes a ela.

O pedido para a realização do ritual foi feito pela Funai (Fundação Nacional do Índio), no processo de reintegração de posse da fazenda, aberto pelos proprietários.

Idoso sofre sequestro relâmpago por supostos vendedores na fronteira
Idoso de 61 anos e brasileiro, sofreu um sequestro relâmpago na manhã deste domingo (4), enquanto descia do seu veículo para realizar compras no lado...
Concurso Beleza Negra acontece na próxima sexta-feira em Dourados
A cidade de Dourados - que fica a 233 km de Campo Grande - recebe na próxima sexta-feira (9), a partir da 19h, a primeira edição do Concurso Beleza N...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions