A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

16/07/2011 08:57

Justiça concede liberdade “vigiada” a professor acusado de pedofilia

Aline dos Santos
Professor foi preso em março após denúncia de esposa. (Foto: Osvaldo Duarte)Professor foi preso em março após denúncia de esposa. (Foto: Osvaldo Duarte)

Acusado de pedofilia e na cadeia desde março, o professor André Luiz de Oliveira obteve liberdade provisória. No pedido de revogação da prisão preventiva, a defesa justificou que a fase de instrução criminal já foi encerrada.

Por sua vez, o MPE (Ministério Público Estadual) solicitou que o pedido fosse negado e, em caso de ser deferido, a justiça estabelecesse medidas cautelares para garantir a segurança das vítimas.

Ao conceder a liberdade, a juíza da 1ª Vara Criminal, Dileta Terezinha Souza Thomaz, determinou uma série de regras a ser cumpridas pelo professor. Ele deve manter distância mínima de 300 metros da autora da denúncia, à época sua esposa, e de sua enteada, apontada como vítima.

Também foi proibido que André Luiz mantenha contato por telefone, internet ou carta com as duas. O professor não pode comparecer a bares, lanchonetes e boates. No período noturno e nos dias de folgas, ele terá quer permanecer em sua moradia. O acusado também deverá comparecer mensalmente em juízo e só sair de Dourados mediante autorização judicial.

A magistrada lembra que no início da ação criminal há indícios que ele tenha tentado fugir para São Paulo. Caso alguma das exigências seja descumprida, a prisão preventiva voltará a ser decretada. O professor está preso na PHAC (Penitenciária Harry Amorim Costa).

Na rede - A denúncia de pedofilia contra André Luiz, que dá aulas em três colégios de Dourados, foi feita em 13 de março. A esposa dele entregou à polícia um pen drive com fotos e vídeos de adolescentes. O material tem teor pornográfico.

Um dos vídeos é da enteada do professor, de 12 anos. De acordo com a defesa, o professor recebeu o vídeo no e-mail e salvou para mostrá-lo para a mãe da adolescente. O vídeo teria sido enviado por Pipoca, amigo da garota.

Porém, inquérito policial aponta que André Luiz pode ter criado um MSN falso, com o nome Pipoca, para obter as imagens da enteada. Também ouvida pela polícia, a enteada de 12 anos conta que adicionou Pipoca no messenger após receber um convite.

Ele se identificou como sendo um homem de 27 anos, morador do Rio de Janeiro. Mas, segundo a adolescente, demonstrava saber de detalhes de sua vida. Como o fato de ter “ficado” com o primo de 15 anos. Ele ameaçava contar para a mãe da garota.

Para não ser “delatada”, ela tinha que se exibir na webcam. As imagens destas exibições estão no pen drive apreendido.

Amoroso - Conforme a defesa do professor, a garota, o amigo Pipoca e o primo, todos menores de idade, formavam um triângulo amoroso. Os computadores foram encaminhados para a perícia.A defesa também refuta a denúncia de que o professor ameaçou a esposa.

André Luiz foi denunciado no artigo 241 do ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente), por adquirir, possuir ou armazenar, por qualquer meio, fotografia, vídeo ou outra forma de registro que contenha cena de sexo explícito ou pornográfica envolvendo criança ou adolescente. A pena vai de um a quatro anos de prisão.




Isso mesmo!!! com essas leis do Brasil, soltam pedófilos, assassinos ,assaltantes, traficantes é tudo uma festa!!! Uebáaaaa!!!! que vergonha! realmente Marcelo, o crime tá compensando!!! veja nossos politicos!!!
 
daniela rodrigues em 17/07/2011 03:29:18
Marcelo

A Justiça só cumpre o que manda a lei. Se a lei manda soltar, o juiz tem que soltar. Achou ruim? peça para o seu representante no congresso nacional mudar a lei e proibir a soltura de presos, se é que vc se lembra em quem votou para deputado e senador nas últimas eleições...
 
luca morato em 16/07/2011 12:41:02
Não vejo nenhum crime, então tem que prender todos os homens, agora os homens tem culpa porque tem meninas a partir de 12 anos por ai loucas pra dar, pq nao tiveram uma boa educação em casa. quem deve ser preso sao os pais dessas meninas, que hoje em dia estao terriveis, e como todos sabem, os homens pensam com a cabeça de baixo neh
 
diogo jordane em 16/07/2011 11:07:59
É... com essa nossa justiça, que o povão aceita de boquinha fechada,... nada mais é do que a concretização e, confirmação de que no nosso país o crime está compensando!
 
Marcelo Max em 16/07/2011 10:58:44
Liberdade vigiada????Por quem mesmo???Isso que ja tentou ate fugir hein.....Piada??
 
thiago varzim cabistany em 16/07/2011 10:44:33
Que decepção, acho que as pessoas que liberam esses animais não tem filhos, fazer o que né, da medo de viver nos dias de hoje. Ou se faz justiça e leva isso pra sempre, ou espera com paciencia e resignação a justiça Divina.
 
silvia dos santos pereira em 16/07/2011 09:19:13
Maravilha, graças a nova lei ele foi solto, assim como vários outros bandidos que foram colocados em liberdade vigiada..agora só resta saber quem vai fiscalizar o cumprimento das condições imposta a eles.
 
Cicero Prentice em 16/07/2011 07:48:08
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions