A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

03/01/2014 10:49

Laudo que irá apontar causa de acidente que matou 7 sai em 10 dias

Aliny Mary Dias
Carros ficaram destruídos após batida (Foto: Reprodução/Facebook)Carros ficaram destruídos após batida (Foto: Reprodução/Facebook)

As investigações da tragédia ocorrida na tarde de ontem (2) em uma colisão na BR-060, em Jardim, e que terminou com a morte de sete pessoas continuam. Conforme a delegada responsável pelas apurações, o laudo da perícia deve ficar pronto em até 10 dias.

Veja Mais
Batida entre Gol e Etios mata família de jovens e casal de SP na BR-060
Colisão de Gol com Etios na BR-060 mata sete, incluindo duas crianças

Elaine Ishiki Benicasa explica que todos os levantamentos do local do acidente foram feitos ontem, mas que alguns detalhes como a quantidade de vítimas em cada carro só foi confirmada durante a madrugada de hoje.

“Finalizamos a apuração de que cinco pessoas estavam no Gol com placas de Sidrolância e um casal no Etios que veio de São Paulo. Agora o laudo pericial tem prazo de 10 dias para ficar pronto, caso não tenha nenhum novo pedido de apuração”, explica a delegada.

No Gol estavam Jerônimo Grance, 27 anos, acompanhado de Marinês Torres Fernandes, 20, Carmina Ramona Torres Fernandes, 29, e as crianças Laura Carolynne Torres Silveira, 2, e David Gilberto Torres Silveira, 1 ano e três meses.

Os corpos já foram liberados pelo IML (Instituto Médico Legal) de Jardim e estão sendo preparados para o velório, que ainda não foi decidido por parentes se acontecerá em Sidrolândia ou Bela Vista.

Já os corpos do casal paulista que estava no Toyota Etios, José Roberto Jaques Pires, 45, e Maria Elisa Barbosa de Almeida, 40, também foram liberados. Parentes de São Paulo estão em Jardim e ainda decidem sobre o traslado do corpo.

Acidente - Os passageiros do Gol morreram na hora. Já o casal que estava no Etios chegou a receber os primeiros socorros, mas não resistiu aos ferimentos e morreu dentro da viatura do Corpo de Bombeiros.

A Polícia Rodoviária Federal interditou parte da pista, na altura do Km 625, próximo ao distrito de Boqueirão e a perícia da Polícia Civil está no local.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions