A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

07/06/2011 15:30

Médico punido por deixar corpo 8 dias sem necropsia perde recurso

Angela Kempfer

O Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul negou hoje recurso ao médico legisla João Costa, punido por deixar por oito dias um corpo sem necropsia em Aquidauana.

Por unanimidade, os desembargadores negaram provimento ao Mandado de Segurança que tentava reverter ato da Secretaria de Segurança Pública que suspendeu a remuneração do médico por 40 dias.

Para o relator do processo, desembargador Fernando Mauro Moreira Marinho, a pena foi 'branda' quando comparada com outras penalidades administrativas e criminais existentes – como a demissão ou privação de liberdade.

Em novembro de 2010, o médico já havia entrado com pedido de liminar para receber os salários, mas foi negado.




Adorei seu senso de humor Gilmar! Hem um caso dese so tendo senso de humor, não tem comentário. Cadê a ética?
 
Maria Alves em 08/06/2011 11:04:39
SE EU FOSSE ESTE CORPO TERIA IDO EMBORA.....IMOL NÃO É SUS !!!!!

ATÉ NISSO UM CORPO SOFRE......
 
GILMAR CANDIDO em 07/06/2011 09:05:09
O médico deve a cara de pau de ir na justiça pedir para receber o salário dele, é brincadeira, este médico deve usar oléo de peroba, é muito cara de pau.
 
carvalho assis em 07/06/2011 05:37:55
Preso?
tinha que deixá-lo oitos dias na geladeira como o corpo ficou.
Queria ver só.
Oitos dias na gavetinha. Só isso. Nem precisava punir com perda do salário, pois quem vai sofrer seria a esposa e os filhos.
Só ele deveria ser punido. Mas nossa justiça, quando quer punir usando esse argumento de cortar salário, esqueçe que existem outros envolvidos. Tais como crianças e tal.
Pode não ser o caso. Mas deveria ser observado esse lado
 
Orlando Lero em 07/06/2011 04:33:09
Tinha que ser preso.
 
Alex Correa em 07/06/2011 03:59:46
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions