A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

24/01/2011 16:39

Menina é encontrada amarrada com sinais de maus tratos em Itaporã

Jorge Almoas

A menor contou que era obrigada a trabalhar e estava com queimadura na perna

Menina tem hematomas por todo o corpo (Foto: Itaporã Hoje)Menina tem hematomas por todo o corpo (Foto: Itaporã Hoje)

Uma menina de 10 anos foi encontrada no domingo amarrada a uma cadeira com fita adesiva, com sinais de maus tratos, na área rural de Itaporã, município localizado a 227 quilômetros de Campo Grande. A menor contou que era obrigada a fazer trabalhos domésticos.

De acordo com o Dourados News, a menina foi encontrada depois de ligação feita à Polícia Militar. A menor estava amarrada a uma cadeira com fita adesiva e foi localizada na Pedreira Santa Maria, próxima a Reserva Indígena.

Os pais da criança chegaram ao local, mas negaram que tinha amarrado a menina, que foi encaminhada para o Hospital Municipal de Itaporã. Ela apresentava hematomas e uma grande queimadura na perna, provocada por óleo quente.

Na delegacia, ela contou que trabalha desde a madrugada em serviços domésticos, como cozinhar, lavar, passar e limpar a casa. As testemunhas que ligaram para a PM contaram que a mãe da menina compra produtos alimentícios e vende a preços superfaturados. Caso os indígenas não possam pagar, ela se apropria do cartão do Bolsa Família, para garantir o pagamento.

Na bolsa da mãe da menina foi encontrado um cartão em nome da indígena Silvana Ferreira de Araujo. A mulher, que não teve o nome divulgado, contou que vendeu um aparelho celular para Silvana e pegou o cartão para garantir o pagamento da dívida.

Morre menina de 11 meses ferida após carro da família capotar em rodovia
Sofia de Almeida Flores, de 11 meses de vida, morreu na madrugada de hoje (5) em Dourados, a 233 km de Campo Grande, após ficar ferida em acidente oc...
Homem de 33 anos é morto com golpes de facão e foice em fazenda invadida
Um homem de 33 anos foi morto a golpes de facão e de foice durante uma briga envolvendo índios na fazenda Novilho, município de Caarapó, a 283 km de ...



Tantas pessoas querendo tem filhos e não pode, em filas para adoção e essas mulheres que nem se pode chamar de mãe, por que não é, fazendo uma coisa dessa com um ser humano inocente, merece cadeia , pra qué que poem filho no mundo pra tortura como ela fez?
 
Renata Oliveira em 25/01/2011 10:16:56
Ainda bem que hoje as pessoas denunciam.
Eu com menos idades passei por coisa pior. Trabalhava da hora que acordava até a hora de dormir. Minha mãe só tinha tempo para fazer filhos eu comecei a "cuidar" dos meus irmãos desdes os cinco anos. Dava banho, imagina o banho e os ouvidos das crianças?? E qd eu deixava eles cairem eu apanhava feio. Tenho cicatrizes imensas pelo corpo e no coração.
 
fernanda pereira em 25/01/2011 08:51:44
Mãe jararaca...
 
josé rodrigues em 24/01/2011 11:37:42
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions