A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

02/02/2015 13:39

Missa e procissão homenageia Nossa Senhora da Candelária hoje

Priscilla Peres
Devotos se reúnem em homenagens durante todo o dia. (Foto: Anderson Gallo/Diário Corumbaense)Devotos se reúnem em homenagens durante todo o dia. (Foto: Anderson Gallo/Diário Corumbaense)

Durante toda a segunda-feira (2), os corumbaenses devotos de Nossa Senhora da Candelária, padroeira do município distante 419 km de Campo Grande, fazem celebrações, orações e homenagens a santa. Desde 24 de janeiro, a comunidade católica participa de missas, confissões, récitas do terço, ladainha e outras atividades.

Veja Mais
PRF apreende carreta com 250 kg de agrotóxicos contrabandeados do Uruguai
Autores de 'arrastão' são presos após perseguição de moto; veja o vídeo

“As homenagens seguem o dia todo com missas e a quermesse. E no final o momento mais sublime que é a procissão, chegada à catedral e a solene coroação. As pessoas poderão vir fazer suas homenagens a Nossa Senhora”, disse o pároco da igreja, padre Fábio Vieira ao site Diário Corumbaense.

Muitos fiéis participaram das duas primeiras missas realizadas pela manhã, entre eles estava a jovem Fernanda Medeiros, 17, devota de Nossa Senhora da Candelária. “Além de mãe, Nossa Senhora é um modelo de evangelização. Sempre que posso estou aqui na catedral, pois tenho uma devoção enorme a Maria que é a nossa grande graça, por ela Jesus veio ao mundo”, explicou a jovem.

Já para o aposentado Gerson Gomes de Moraes, a grande bênção é viver feliz. “Sou devoto e sempre na missa, pois sou legionário, e com a graça de Nossa Senhora sou feliz em minha vida”, disse Gerson.

Durante todo o dia acontece na praça da República, quermesse com mais de 20 barracas de entidades que prestam apoio à comunidade católica. “Às 18h30 inicia a procissão com saída da igreja Nossa Senhora Aparecida, encerrando aqui na Catedral às 19h com a Santa Missa e a Solene Coroação de Nossa Senhora. Gostaria de convidar a todos para que participem juntos conosco desses momentos de fé e devoção”, completou o padre Fábio Vieira.

As celebrações acontecem na Igreja de Nossa Senhora da Candelária, localizada em frente à Praça da República, no centro de Corumbá, construída em 1885 pelo pregador imperial e Vigário da Vara, Frei Mariano de Bagnaia. O templo foi inaugurado em 1887, com solenidade do ritual romano, e está incluída no PAC das Cidades Históricas para ser restaurada.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions