A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

21/12/2010 16:47

Motorista acusado de matar no trânsito de Coxim vai à delegacia para depor

Ricardo Campos Jr.

Caso dispunha apenas de relatos de testemunhas

O representante comercial Jorge Pedroso Lopes, 45 anos, motorista do Fiat Uno que atingiu e matou o motociclista Márcio Florêncio Aranha, 19 anos, em Coxim, foi à delegacia de Polícia Civil da cidade para relatar a versão dele sobre o acidente.

Segundo informações do site Edição de Notícias, Lopes disse que seguia pela avenida Virgínia Ferreira com a seta para esquerda ligada. Aranha, na versão do motorista, vinha em alta velocidade e tentou ultrapassar o Uno pela esquerda e atingiu o carro.

Lopes disse ainda que desceu do carro, acionou o Corpo de Bombeiros mas fugiu por medo ao ver um revólver calibre 38 caído no chão. A arma realmente foi encontrada no local do acidente.

Acidente - A colisão foi às 12h15 do último domingo, dia 19 de dezembro. Aranha pilotava uma Honda Fan de placa HTR-6389. Ao bater no Uno, foi arrastado por quase 10 metros e, sem a proteção do capacete, bateu a cabeça em uma caixa de distribuição de telefonia, que fica no canteiro central da avenida.

O motociclista foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e morreu duas horas após o acidente no Hospital Regional Álvaro Fontoura.

Até o depoimento do representante comercial, a Polícia dispunha apenas de relatos de testemunhas sobre o acidente.

(Com informações do site edição de Notícias)




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions