A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 20 de Janeiro de 2017

21/05/2015 22:00

Mulher acusada de encomendar estupro de jovem após festa é presa

Adriano Moretto, com Osvaldo Duarte - Dourados News

Policiais da Deam (Delegacia Especializada de Atendimento a Mulher) prenderam no início da tarde desta quinta-feira (21), Lindalva Valdez, 38. Ela é acusada de ser a mandante do estupro cometido por cinco pessoas no dia 10 de maio na Aldeia Bororó, Reserva Indígena de Dourados.

Veja Mais
Trabalhador de 61 anos morre eletrocutado em sacada de prédio em construção
Aeroporto fecha e passageiros vão enfrentar 12 horas para chegar em SP

A ação ocorreu após mandado de prisão preventiva expedido pelo juiz da 2ª Vara Criminal do município, Marcos Vinícius de Oliveira Elias.

De acordo com a delegada Rozeli Dolor Galego, a mulher teria contratado os suspeitos por vingança à vítima que teria matado um familiar seu em 2012, relembre aqui.

O CASO

A jovem foi estuprada nas dependências da Aldeia Bororó quando deixava uma festa. Os participantes da ação foram os irmãos Edemil Arce Isnarde, 26, o ‘Zéri’, Oimando Arce Isnarde, 20, conhecido como ‘Caimando’, Aufifo Arce Isnarde, 23 e um adolescente de 12 anos, além do tio deles, de 15 anos.

Este último foi quem foi contatado e recebeu a quantia de R$ 80 para realizar a ação.

Ainda conforme informações da delegada, o ato foi cessado porque a vítima desmaiou e os participantes entenderam que estaria morta.

Após o fato, a jovem foi encontrada por populares que a encontraram acionaram o socorro e a levaram para o Hospital Universitário.

Os suspeitos pela autoria acabaram presos no final da tarde do mesmo dia e foram reconhecidos pela vítima.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions