A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

03/06/2011 14:39

Mulher que morreu em acidente na MS-376 viajava para acompanhar o pai

Fabiano Arruda
Veículo fica totalmente destruído após choque. (Foto: Renato Vessani/Fatima Informa)Veículo fica totalmente destruído após choque. (Foto: Renato Vessani/Fatima Informa)
Motorista perdeu controle e Uno se chocou violentamente em toco de árvore. (Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros)Motorista perdeu controle e Uno se chocou violentamente em toco de árvore. (Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros)

Rosimeire Aparecida da Silva Santos, de 33 anos, que morreu em acidente nesta manhã, na MS-376, entre Fátima do Sul e Dourados, viajava para acompanhar o pai, Ademar Antonio da Silva, 65 anos, que tem doença crônica.

Ademar tinha consulta médica no hospital Evangélico, em Dourados, e dirigiu o veículo Uno, placa HRJ-0233, pois não havia ninguém para levá-lo. Ele não tem condições de dirigir, informaram familiares. O acidente ocorreu quando eles voltavam para casa, em Fátima do Sul.

Segundo informações do site Dourados Agora, Rosimeire sofreu múltiplas fraturas nas pernas, traumatismo craniano e de tórax. Morreu na hora. O acidente ocorreu no momento em que Ademar perdeu o controle do carro e bateu violentamente num toco de árvore que estava na lateral da via.

Militares do Corpo de Bombeiros de Dourados foram acionados, mas, no local, encontraram Rosimeire sem sinais vitais.

O pai ficou ferido sem gravidade, preso em ferragens, mas escapou. Foi socorrido pelos Bombeiros e encaminhado para o hospital.




Sr Milton Silva, ao que me parece esse tronco fica fora da pista. Esse acidente parece ter sido provocado pelo estado de saude do motorista.
 
jose alfredo de melo em 03/06/2011 06:28:57
Mais uma vitima da falta de conservação das estradas, aliada a provavel incopetencia do motorista. Existe a Pista de Rolamento, o acostamento e a faixa de domínio, que vai até a cerca das propriedades rurais. Esta faixa deveria ser limpa, ou seja, sem obstáculos. Entretanto é comun encontrar troncos de arvores como este da foto ao longo das rodovias, sejam estaduais ou federais. Quem sabe, agora, após a morte desta senhora, alguém se digne a arrancar aquele tronco. Que Deus ilumine a familia da vitima para suportar esta perda.
 
Milton Silva - Campo Grande - MS em 03/06/2011 03:59:24
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions