A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

13/09/2013 17:36

Mulher rouba veneno de rato para se suicidar e dar à filha de 3 anos

Elverson Cardozo

Uma mulher de 28 anos, que havia furtado veneno de rato, em um supermercado, para dar à filha, de 3 anos, foi presa em flagrante, na tarde desta quinta-feira, em Cassilândia, a 418 quilômetros de Campo Grande.

Veja Mais
Bonito é eleito o segundo destino mais "queridinho" por turistas em 2017
Europeus querem boicote à soja por genocídio indígena, diz deputado

À polícia, a acusada confessou que iria dar o produto à menina e depois tomaria para se suicidar, porque a vida, para ela, “está sofrida”. O relato foi feito a um investigador da Polícia Civil, que foi chamado par atender a ocorrência.

Ele conseguiu dominá-la e tomar o veneno das mãos dela fora do supermercado, em frente a uma agência bancária, mas, antes disso, a mulher, descontrolada, tentou se jogar, de bicicleta, com a filha, em frente aos carros que passavam.

A mulher, que não teve a identidade revelada, foi detida e vai responder por tentativa de homicídio e pelo crime de furto. A criança foi entregue ao Conselho Tutelar.

(Com informações, Cassilândia Notícias)




!!! QUE LEGAL !!! "A mulher, foi detida e vai responder por tentativa de homicídio e pelo crime de furto. !!! CRIME DE FURTO !!! é isso mesmo, ela esta doente, passando por dificuldades, tem problemas, fala que a vida “está sofrida”, quase comete uma desgraça e em vez de ser ajudada e tratada, ela vai responder pelo crime de furto !!! Que coisa de doido !!! Os mensaleiros fizeram e provavelmente continuam fazendo coisas erradas que prejudicam toda população, comem do bem e do melhor, tomam Vinho, Whisky, Champanhe, que custam R$ 10.000,00 a garrafa "NÃO ACONTECE NADA", A coitada que queria tomar veneno e morrer vai responder pelo crime de furto e ficar presa em vez de ser tratada. Isso é o fim do mundo mesmo... !!!
 
Leonardo Camassa em 14/09/2013 16:21:13
Ao invés de encaminhar para cadeia poderiam encaminhar para dar suporte psicológico para essa mulher, visto que queria dar cabo da própria vida e de sua própria filha.
é necessário identificar as causas para depois julgar os fatos.
Não acho que o furto de um simples veneno de rato seja o suficiente para mandar alguém para cadeia, ainda mais para o fim ao qual seria usado.
Acho sim que os policiais deveriam mandar marginais para cadeia mas pessoas com visível desequilíbrio emocional Não.
 
lucia da silva em 14/09/2013 13:18:02
Falta de entendimento...este senhora necessita de atendimento medico, não ser indiciada por tentativa de furto ou de homicídio.
 
solange araujo em 13/09/2013 23:54:44
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions