A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

09/08/2015 09:30

Mulheres são esfaqueadas e uma morre em região conhecida como "buracão"

Luana Rodrigues
Crime foi em região conhecida como buracão (Foto: Sidrolândia News)Crime foi em região conhecida como buracão (Foto: Sidrolândia News)


Uma mulher de 22 anos morreu e outra ficou ferida, após as duas serem esfaqueadas, na madrugada deste domingo(08), em uma festa na rodovia MS-162, em Sidrolândia - distante 71 quilômetros de Campo Grande. No local, conhecido como "buracão", estava havendo um suposto evento, não comunicado as autoridades competentes, que não tinha alvará de funcionamento.

Veja Mais
Lojas vão estender horário de atendimento durante o mês de dezembro
Esposa é presa ao tentar entregar pão recheado com maconha para detento

De acordo com o registro de ocorrência, os policiais chegaram ao local e encontraram homem que socorreu as duas vítimas. Jessica da Silva Rodrigues, que não teve a idade revelada, estava com uma lesão no braço, foi socorrida e encaminhada ao hospital. Já Ariane Rosa de Oliveira, 22, tinhas várias perfurações pelo corpo e morreu no local.

Conhecido como "buracão", no local estava havendo um suposto evento dentro de uma propriedade particular, que não tinha alvará de funcionamento. Também não havia iluminação nem seguranças no local.

Ainda não há suspeitos de terem cometido o crime, mas o caso será investigado pela Polícia.

 

Adriano foi morto no bar da esposa (Foto: Sidrolândia News)Adriano foi morto no bar da esposa (Foto: Sidrolândia News)

Segundo homicídio - Adriano da Silva Couto, 24 anos, foi o segundo a morrer esfaqueado na madrugada deste domingo (9), em Sidrolândia.

O crime ocorreu na lanchonete da esposa da vítima. Ana Cláudia, disse à polícia que um casal estava bebendo no local e, em determinado momento, a mulher foi ao banheiro com uma faca na mão.

Percebendo o risco, Ana Cláudia tentou retirar a faca da mão da suspeita, quando as duas começaram uma briga. O homem que acompanhava a mulher, entrou na discussão e tentou pegar a faca. Adriano, por sua vez, tentou defender a esposa e foi atingido com um golpe nas costas.

O socorro foi acionado, mas Adriano não resistiu aos ferimentos e morreu antes da chegada do Corpo de Bombeiros. Já o casal fugiu depois do crime e ainda não foi identificado. O caso foi registrado como homicídio simples e será investigado pela Polícia Civil.

Lojas vão estender horário de atendimento durante o mês de dezembro
O comércio de Ponta Porã - cidade localizada a 323 km de Campo Grande - irá funcionar em horário especial neste fim de ano. Os horários e dias foram ...
Esposa é presa ao tentar entregar pão recheado com maconha para detento
A esposa de um detento de Itaquiraí, distante 410 km de Campo Grande, foi presa na tarde de ontem (7) tentando entregar um pão recheado com maconha p...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions