A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 22 de Fevereiro de 2017

18/04/2013 21:55

Na primeira ação de 2013, Povo das Águas atende 270 famílias no Pantanal

Nyelder Rodrigues
Ações de prevenção também foram desenvolvidas no projeto promovido pela Prefeitura de Corumbá (Foto: Divulgação)Ações de prevenção também foram desenvolvidas no projeto promovido pela Prefeitura de Corumbá (Foto: Divulgação)

A primeira ação de 2013 do Programa Social Povo das Águas atendeu 270 famílias, entre os dias 27 e 31 de março, na região banhada pelo rio Taquari, no Médio Pantanal.

A atividade, promovida pela Prefeitura de Corumbá, foi direcionada aos ribeirinhos da área, distante da zona urbana, onde o acesso é extremamente difícil.

Foi oferecida assistência médica, odontológica, social e educacional aos ribeirinhos. Só a Secretaria de Assistência Social e Cidadania acompanhou quase 700 pessoas cadastradas em programas como o Bolsa Família e o Cadastro Único.

Os técnicos ainda fizeram o preenchimento de fichas para o Diagnóstico de Vulnerabilidade Social, orientações sobre o Benefício de Prestação Continuada (BPC), controle de cestas básicas e demais benefícios entregues após o mapeamento feito pela Defesa Civil.

Além da cesta básica, todas as famílias receberam charque, mosquiteiros, lona e botas de borracha, materiais adquiridos pela Prefeitura. A Secretaria Municipal de Produção Rural ainda fez a doação de aproximadamente uma tonelada de feijão.

Ações de prevenção, corte de cabelo, orientações sobre violência familiar e atividades lúdicas para as crianças. Foram feitas 295 consultas, 343 procedimentos de enfermagem, 85 odontológicos e aplicaram 60 tipos de vacinas diversas.

Um agente de saúde fez a pesagem de 150 crianças, de 0 a 5 anos, para o Bolsa Família, enquanto o CCZ (Centro de Controle de Zoonozes) vacinou 78 cães contra a raiva.

Prefeitura perde na Justiça e terá que pagar retroativos a professores
Em decisão tomada por unanimidade pelos desembargadores da 1ª Câmara Cível do TJ-MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), a prefeitura de Ivin...
Após relato sobre caça e extração ilegal de madeira, PMA apreende arma
Após receber denúncias de extração ilegal de madeira e caça ilegal sendo praticadas em Ivinhema - município localizado a 282 km de Campo Grande -, um...
Falso médico é acusado de matar paciente em hospital do interior
O MPE (Ministério Público Estadual) denunciou à Justiça e pediu a prisão do falso médico Marx Honorato Ortiz. Ele teria atuado no Hospital Municipal ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions