A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

16/03/2011 08:38

Nova Alvorada do Sul também decreta situação de emergência

Marta Ferreira

Mais um município de Mato Grosso do Sul declarou situação de emergência por causa das chuvas de verão, que provocaram estragos de norte a sul. Agora, foi a vez de Nova Alvorada do Sul.

O decreto assinado pelo prefeito Arlei Silva Barbosa afirma que, desde janeiro até o dia 9 de março, choveu na cidade mais de mil milímetros, quando a quantidade esperada era de 531,4 milímetros.

Conforme a prefeitura, a chuva em excesso elevou os níveis dos rios Vacaria e Anhandui e dos Córregos Santa Luzia, Pulador, Piau, Esteio, Santa Fé e Ribeirão Rio Branco, provocando transbordanmento e inundações na área rural do município.

Conforme o texto, pontes foram inundadas e danificadas, estradas sofreram danos e, por causa disso, o transporte escolar de alunos que moram na área rural e estudam no campo e na cidade teve de ser suspenso

O decreto cita, ainda os prejuízoso para o setor agropecuário, uma das principais fontes de arrecadação do Município, “severamente afetado” pela ausência se sol, que impediu a maturação dos grãos de soja, e pelas condições das estradas, que não permitiram o acesso dos produtores de

leite até os laticínios.

A situação, válida para as regiões prejudicadas, é pelo prazo de 90 dias, a partir de 9 de março.

Com a publicação do decreto, a prefeitura espera ter acesso a recursos emergenciais para recuperação da cidade e também a auxílios que possam ser aprovados aos produtores rurais, entre eles a prorrogação de prazo do pagamento das dívidas contraídas.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions