A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

24/05/2013 19:26

Novo acesso a ponte preocupa empresários em Três Lagoas

Zemil Rocha

Empresários de Três Lagoas estão preocupados com o novo traçado do Contorno Rodoviário da localidade, que vai dar acesso à ponte que será construída sobre o Rio Paraná até o cruzamento da Avenida Ranulpho Marques Leal com a Avenida Capitão Olyntho Mancini.

Veja Mais
Justiça determina instalação de rede de esgoto em Nova Alvorada do Sul
Pistoleiro morre baleado durante confronto com a polícia do Paraguai

Durante reunião realizada hoje, em Três Lagoas, o empresário Rubens Miranda Melo enfatizou que ele e outros empreendedores do município temem diminuição no fluxo de veículos na Avenida Ranulpho Marques Leal, que dá acesso a atual passagem sobre o rio, na barragem da usina hidrelétrica de Jupiá. Os empreendimentos podem ficar inviáveis em virtude de um número menor de clientes. A Avenida Ranulpho Marques Leal fica no perímetro urbano da BR-262 e liga Três Lagoas a Campo Grande, continuando até Corumbá.

Pela proposta do traçado apresentado pelo engenheiro Milton Rocha Marinho, responsável pelo escritório local do DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes), veículos de cargas pesadas teriam nova opção de acesso a Três Lagoas, ressaltando que o objetivo é desafogar o trânsito da área urbana do município.

Presente na reunião, o deputado federal Akira Otsubo se comprometeu a buscar alternativa. “Este desvio no fluxo de veículos é que preocupa os empresários da avenida, já que o número de clientes vai cair. É necessário buscar o consenso para não prejudicar quem contribui para o crescimento da cidade”, defendeu o parlamentar.

Os empresários vão apresentar sugestões ao DNIT e os técnicos da autarquia vão analisá-las para ver a viabilidade técnica e se há possibilidade de fazer novas alterações no traçado do contorno.

Com investimento de R$ 113 milhões, a nova ponte na BR-262, na divisa entre Mato Grosso do Sul e São Paulo, sobre o Rio Paraná, vai ligar ligará Três Lagoas/MS a Castilho/SP, e fica próxima à Usina de Jupiá. A estrutura será de 1.344 metros de extensão, que somados aos acessos à rodovia que o empreendimento inclui, somarão aproximadamente 7,5 quilômetros. A obra deve ser concluída até abril de 2014.

 

Justiça determina instalação de rede de esgoto em Nova Alvorada do Sul
A Sanesul e a prefeitura de Nova Alvorada do Sul - cidade localizada a 120 km de Campo Grande - terão que criar no município rede coletora e estação ...
Médico nega que tenha abandonado pacientes e diz que foi autorizado a sair
O médico Carlos José da Costa Duran, de 41 anos, nega que tenha abandonado o plantão no hospital e maternidade Idimaque Paes Ferreira, o único em Rio...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions