A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

01/10/2013 09:57

Operação contra lavagem de dinheiro apreendeu R$ 75 mil e revólver

Aline dos Santos
Operação apreendeu dinheiro, cheques e arma em Ivinhema. (Foto: Divulgação/MPE)Operação apreendeu dinheiro, cheques e arma em Ivinhema. (Foto: Divulgação/MPE)

Deflagrada nesta terça-feira para combater lavagem de dinheiro em Ivinhema, a operação Ablutio apreendeu R$ 75 mil e um revólver calibre 38.

Veja Mais
Operação prende 5 empresários por suspeita de lavagem de dinheiro
Com 5 mandados de prisão, operação Ablutio combate lavagem de dinheiro

A ação, realizada pelo Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado) e Receita Federal, prendeu cinco empresários: Alessandro Pieretti de Oliveira, Christian Carlo Zanutto, Sami Marouf Abdel Jalil, Valdenei Gyorfi dos Santos e Rubens Alves dos Santos.

De acordo com o MPE (Ministério Público Estadual), os presos vão prestar depoimento e serão transferidos para a Derf (Delegacia Especializada de Roubos e Furtos), em Campo Grande. Do total apreendido, são R$ 25 mil em dinheiro e R$ 50 mil em cheques.

Contra o grupo, há denúncias de lavagem de dinheiro, falsidade ideológica e formação de quadrilha. Conforme a investigação, que durou quatro meses, os empresários estão envolvidos em diversas transações imobiliárias suspeitas.
Os presos são ligados a três empresas: Vale Incorporadora, Minervale e Agrovale.

Responsável pelo residencial Solar do Vale, a Vale Incorporadora informa em sua página na internet que é formada por “por grandes empresários, teve o início da sua história no ano de 2010 em Ivinhema”. As outras duas empresas são do setor agrícola. Os auditores fiscais averiguam a ocorrência de não cumprimento de obrigações tributárias referentes ao ganho de capital em operações de compra e venda de imóveis urbanos.

Além das prisões, foram cumpridos sete mandados de busca e apreensão e bloqueio de diversos imóveis pertencentes à incorporadora. As ordens são do juiz Alexandre Antunes da Silva, de Campo Grande.

Participam da ação dois promotores, 21 policiais militares e nove auditores fiscais da Receita Federal. Ablutio, nome dado à operação policial, é termo em latim que significa lavagem.

Com 5 mandados de prisão, operação Ablutio combate lavagem de dinheiro
A operação Ablutio, deflagrada nesta terça-feira pelo Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado) e Receita Federal, combate cri...
Motorista embriado atropela ciclista e foge sem prestar socorro
Guinovaldo Aguiar Gama, de 53 anos, foi preso em flagrante depois de ter atropelado um ciclista na região central de Itaporã, 227 quilômetros de Camp...
Rapaz foge de policial a paisana e abandona mochila com 18 kg de droga
Homem fugiu deixando uma mochila com 18 quilos de maconha, depois de ser abordado esta manhã (10) por um policial a paisana na rodoviária de Ponta Po...



Começo a crer na justiça de novo,estava tão escancarado que já estava desacreditando,mas ainda falta o peixe grande,estes são só os laranjinhas,toda cidade de ivinhema sabe disso.
 
luciano marques em 01/10/2013 17:19:34
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions