A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

06/07/2012 23:37

PF apura envolvimento de candidato a prefeito de Ladário em rede de prostituição

Nyelder Rodrigues

Suspeito de chefiar uma rede de prostituição em Corumbá, o vereador e candidato do PMDB à prefeitura de Ladário, Munir Sadeq Ramunieh, conhecido como Munir da Associação, foi conduzido à Polícia Federal (PF) de Corumbá, onde prestou depoimentos, na noite de quinta-feira (5).

Veja Mais
Preços de itens da ceia de Natal variam até 400%, aponta Procon
Reinaldo ativa monitoramento e assiste a simulação de prisão de assaltantes

Ao lado de outras três pessoas, Munir é apontado pela PF como suposto dono de duas casas noturnas em Corumbá. Além do vereador, outras 40 pessoas, entre clientes e funcionários, também tiveram que ser conduzidas à delegacia por causa da suspeita de ter envolvimento com a rede. Bebidas alcoólicas supostamente contrabandeadas da Bolívia foram apreendidas.

De acordo com o delegado Alexandre Nascimento, as casas noturnas estão sendo monitoradas desde o ano passado, buscando verificar se havia nos locais a prática do tráfico de pessoas e aliciamento de menores para a prostituição, além do tráfico de drogas. Para o delegado, ficou comprovado a existência de favorecimento a prostituição e descaminho.

Os quatro suspeitos de comandar o esquema podem responder pelos crimes de favorecimento a exploração sexual, descaminho e tráfico de pessoas. Por tráfico de drogas, Munir já cumpriu pena uma vez.

(Com informações da TV Morena)




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions