A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 21 de Janeiro de 2017

29/12/2011 12:18

PMA flagra suinocultura sem autorização e em área de preservação

Nadyenka Castro

Porcos eram criados em pesqueiro, em Terenos. Dono foi multado em R$ 5 mil e irá responder por crime ambiental

Mata ciliar destruída nas margens do rio Aquidauana. (Foto: Divulgação/ PMA)Mata ciliar destruída nas margens do rio Aquidauana. (Foto: Divulgação/ PMA)
Dejetos que saíam dos chiqueiros jogados na mata. (Foto: Divulgação/ PMA)Dejetos que saíam dos chiqueiros jogados na mata. (Foto: Divulgação/ PMA)

A PMA (Polícia Militar Ambiental) flagrou na tarde dessa quarta-feira criação de porcos que era feita sem autorização ambiental e ainda em Área de Preservação Permanente, com destruição da mata ciliar, em Terenos, às margens do rio Aquidauana.

As irregularidades foram constatadas no pesqueiro Vô Pedro, cujo proprietário, de 55 anos, foi multado em R$ 5 mil e irá responder por crime ambiental.

Segundo a PMA, foram apreendidos 31 porcos que eram criados em vários chiqueiros e a atividade de suinocultura foi interditada.

No local, no quarto do caseiro, foram apreendidas duas espingardas, sendo uma calibre 22, com duas munições e outra calibre 38, com cinco cartuchos, que o funcionário alegou pertencerem ao proprietário.

O dono do local mora em Campo Grande e também irá responder pela posse das armas e das munições.

Os policiais notificaram o proprietário a realizar um projeto de recuperação da área degradada junto aos órgãos ambientais.

Homem é preso ao ser flagrado transportando 191 quilos de maconha
Hellington Sant Ana Mota, de 33 anos foi preso acusado de tráfico de drogas por transportar 191 quilos de maconha no porta-malas de um carro. O flagr...
Quadrilha é presa acusada de roubo a joalheria; funcionária é suspeita
Uma quadrilha formada por 10 pessoas foi desarticulada pela Polícia Civil de Itaporã, distante 227 km de Campo Grande, após investigações de roubo a ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions