A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 17 de Janeiro de 2017

18/10/2013 12:19

PMA prende quatro pescadores com tarrafa e pescado fora da medida

Vinicius Squinelo

Policiais Militares Ambientais de Aquidauana desenvolveram ontem à tarde trabalhos preventivos à pesca predatória, na Estrada Parque das Palmeiras, margeando o Rio Aquidauana e autuaram quatro pescadores amadores por pesca predatória.

Veja Mais
Um dos três detentos que fugiram sábado de presídio é recapturado
Casal encontrado morto é identificado; crime pode ter relação com o tráfico

Os policiais abordaram um veículo VW Parati, onde estavam dois campo-grandenses de 37 e 48 anos, os quais transportavam uma tarrafa ainda molhada e 5 kg de pescado que tinham capturado com o petrecho proibido para a pesca.

Além disso, havia exemplares de peixes fora da medida permitida pela legislação. O pescado e a tarrafa foram apreendidos e os infratores foram multados em R$ 800,00 cada um.

A mesma equipe localizou em um local denominado Cachoeira do Bambu dois pescadores, de 24 e 41 anos, residentes em Aquidauana também pescando com tarrafa. Eles haviam capturado 8 kg de pescado, sendo vários exemplares fora da medida permitida pela legislação. O pescado e a tarrafa foram apreendidos e os infratores foram multados em R$ 860,00 cada um.

Todos os pescadores responderão por crime ambiental. Se condenados, poderão pegar pena de um a três anos de detenção.

Um dos três detentos que fugiram sábado de presídio é recapturado
Foi recapturado nesta tarde de segunda-feira (16) Willian Ferraz da Silva, de 19 anos, um dos três detentos que fugiram no sábado (14) da Penitenciár...
Com debates e 120 expositores Showtec começa nesta quarta-feira
Começa na próxima quarta-feira (18) a Showtec 2017, que contará com programação recheada de novidades tecnológicas para o setor rural e também debate...
Mulher é assaltada em saída de banco e tem malote com R$ 67 mil levado
Uma mulher de 41 anos teve R$ 67 mil roubados em um assalto realizado na tarde desta segunda-feira (16) no Centro de Dourados - cidade localizada a 2...



Rapaz, se a polícia ambiental quisesse mesmo, prendia pescador ilegal nesse rio todo dia. E o problema são os locais, os ribeirinhos, pescadores profissionais, que exageram no uso do anzol de galho, pecam com joão bobo, usam espinhéis, etc. Além de receber do estado durante a piracema, todo mundo sabe que continuam pescando também nesse período.
 
Ricardo Griao em 18/10/2013 19:36:19
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions