A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

29/11/2016 09:19

Polícia Federal faz operação contra tráfico em MS e mais três estados

Operação Travessia cumpre 42 mandados de prisão; traficantes são acusados de mandar droga do Paraguai pelo rio Paraná

Helio de Freitas, de Dourados
Policiais federais na casa de um dos acusados (Foto: Divulgação/PF)Policiais federais na casa de um dos acusados (Foto: Divulgação/PF)

A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (29) a Operação Travessia, para prender pessoas envolvidas com o tráfico de drogas na divisa de Mato Grosso do Sul com o Paraná. Foram expedidos 42 mandados de prisão preventiva, que estão sendo cumpridos também em São Paulo e Santa Catarina por 180 policiais.

Veja Mais
Crescimento populacional eleva repasse de FPM para 4 cidades de MS
Sem vagas em Unei, adolescentes que estupraram garoto estão em liberdade

Nas 14 cidades em que a PF iniciou a operação às 6h também são cumpridos 31 mandados de busca e apreensão e dois de condução coercitiva, quando a pessoa é levada à delegacia para prestar depoimento. Segundo a PF, 11 pessoas tinham sido presas até às 7h, horário de Mato Grosso do Sul.

O nome da operação é uma referência a um lago da região de Guaíra, cidade vizinha de Mundo Novo (MS), usado para atravessar a droga que vinha do Paraguai.

Conforme as investigações, Guaíra era a porta de entrada de maconha, crack e cocaína vinda do Paraguai. Perto dali fica uma cidade importante do Paraguai, Salto del Guairá, onde o crime organizado possui forte atuação.

De Guaíra, a droga seguia para cidades de São Paulo e Santa Catarina. De acordo com a PF, o chefe da quadrilha desarticulada hoje lavava dinheiro do crime em uma loja e em um haras de Guaíra.

Durante as investigações foram presas em flagrante 35 pessoas, entre as quais um advogado e servidores públicos. Também foram apreendidas grandes quantidades de maconha, cocaína e crack.

Crescimento populacional eleva repasse de FPM para 4 cidades de MS
As prefeituras de Angélica, Nova Andradina, Paranhos e Três Lagoas, terão aumento em 2017, no repasse do FPM (Fundo de Participação dos Municípios), ...
Vendedor é esfaqueado nas costas durante briga por espaço
Uma rixa antiga, de pelo menos três meses, acabou com o vendedor de espetinho, Ramão Antônio Gomes, 42, gravemente ferido ao ser esfaqueado duas veze...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions