A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 24 de Janeiro de 2017

25/10/2012 06:48

Polícia investiga indígena morta em aldeia sem sinais de violência

Paula Maciulevicius

A Polícia Civil de Caarapó investiga o caso de uma indígena encontrada morta sem nenhum sinal de violência aparente. Elizangela Ramires Franco, 22 anos, morreu na noite desta quarta-feira (25), na aldeia Tey Kuê, em Caarapó, a 283 quilômetros da Capital.

Depois de ser acionado pela Sesai (Secretaria Especial de Saúde Indígena) para ir até o local, o agente da funerária de plantão do município de Laguna Carapã estranhou a morte da jovem sem marcas de violência e então registrou o Boletim de Ocorrência na Delegacia de Polícia Civil de Caarapó.

Segundo do funcionário, o marido da vítima disse que nesta quarta-feira ela havia reclamado de fortes dores do abdômen , mas que vinha fazendo tratamento com ervas medicinais.

A Polícia Civil quer ouvir o marido de Elizangela sobre o caso. O corpo da jovem foi levado até o IML (Instituto Médico Legal) para exame necroscópico.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions