A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

05/01/2015 08:38

Polícia investiga relação entre morte de jovem com assassinato de casal

Luciana Brazil
Corpo de adolescente estava em uma plantação de soja. (Foto: Sydnei Bronca)Corpo de adolescente estava em uma plantação de soja. (Foto: Sydnei Bronca)

A Polícia Civil ainda investiga a morte da adolescente Ana Lorena dos Santos, 14 anos, encontrada morta na noite do dia 30 de dezembro, em uma plantação de soja, em Itaporã, a 227 quilômetros de Campo Grande. O delegado titular de Itaporã, Ricardo Bernadinelli, disse ao Campo Grande News, na manhã de hoje (5), que investiga uma possível ligação entre o caso da menina com o casal morador de Maracaju, encontrado morto no dia 21 de dezembro, também em uma plantação de soja.

Veja Mais
Mulher morta por asfixia e a facadas é encontrada no meio de lavoura
Casal desaparecido há uma semana é encontrado morto na MS-157

“Não há nada de concreto, nada foi confirmado, mas faz parte da investigação”, afirmou. O corpo de Ana Lorena, já em estado de decomposição, foi achado em uma plantação de soja de uma propriedade rural.

A adolescente desapareceu no dia 28 de dezembro e era moradora de Itaporã. O corpo foi encontrado em uma região conhecida como Canhadão, segundo a Polícia Civil.

O cadáver estava com as mãos amarradas por uma faixa de pano e tinha marcas de golpe de faca na cabeça e outro na barriga.

A perícia indicou ainda que Ana Lorena foi asfixiada. No local, onde foi encontrado um isqueiro, havia sinais de violência, o que indica que a menina tentou se defender. A possibilidade de violência sexual não foi descartada pela polícia.

 




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions