A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

10/01/2014 21:45

Polícia liberta família que era mantida presa e violentada por homem de 31 anos

Vinícius Squinelo

A Polícia Militar e o Conselho Tutelar de Inocência, distante 339 quilômetros de Campo Grande, libertaram uma família que era proibida de sair de casa, e sofria violência de Hermes Marques de Souza, 31 anos.

Veja Mais
Vereador é internado após AVC e boatos de morte causam confusão
Dupla é presa e confessa ter matado homem a pedradas e garrafadas

Segundo informações policiais, a polícia foi ao local na tarde de hoje (10) após denúncia anônima. Foram libertados a esposa de Hermes, de 26 anos, e três crianças, a mais velha de seis anos.

Para os policiais, a esposa relatou que era proibida de sair da casa, ou mesmo ir até o portão. Ela ainda relatou ser espancada constantemente.

A polícia ainda constatou que as crianças também apanhavam, e Hermes usava um pedaço de couro curtido para bater. A criança de seis anos tinha um ferimento cicatrizado na perda direita, causada pelo instrumento.

O caso foi registrado como sequestro e cárcere privado na Delegacia de Polícia de Inocência.




O que será que está acontecendo no Mato Grosso do Sul, em lugar nenhum deste País acontece tantos casos de Violência às Mulheres e Crianças. Esta situação merece um estudo bem apurado, porque não é possível num lugar que tem um povo trabalhador e progressista, ter em seu meio um número tão grande de Covardes Psicopatas que só agridem pessoas indefesas. Para esse tipo de monstruosidade deveria ter Prisão Perpétua, mas como em nosso País as leis são brandas, as autoridades policiais ao prenderem estas imundices deveria fazer o possível e impossível para deixá-los apodrecerem na cadeia.
 
Luis Acordado em 10/01/2014 22:38:16
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions