A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

30/01/2012 21:53

Policial sofre queimaduras de 2º grau durante tentativa de fuga em delegacia

Elverson Cardozo

Três jovens incendiaram um colchão dentro da cela da delegacia de Polícia Civil, em Naviraí. Além do policial, uma mulher, que também está presa, passou mal.

Policial Civil sofreu queimaduras de 2º grau. (Foto: Umberto-Zum)Policial Civil sofreu queimaduras de 2º grau. (Foto: Umberto-Zum)

Três jovens, que estão apreendidos na delegacia da Polícia Civil em Naviraí, incendiaram um colchão durante tentativa de fuga na manhã desta segunda-feira (30). Um policial sofreu queimaduras de 2º grau e uma mulher, que também está presa, passou mal com a fumaça.

Os internos aproveitaram o horário de almoço – quando fica só um policial de plantão – para realizar ação. Eles pegaram um dos colchões e jogaram entre a cela e uma porta de ferro e em seguida atearam fogo.

Ao ouvir gritos dos adolescentes, o policial foi até o local e avistou fumaça saindo por debaixo da porta de ferro. Ao tentar abrir a cela ele acabou queimando as mãos com o calor do fogo.

Internos jogaram colchão entre a cela e uma porta de ferro. (Foto: Umberto-Zum)Internos jogaram colchão entre a cela e uma porta de ferro. (Foto: Umberto-Zum)

Mesmo ferido, ele tentou apagar as chamas com ajuda dos próprios detentos que jogaram água no local. Segundo policial, os internos queimaram o colchão porque acharam que ele abriria a cela para apagar o fogo, mas o plano foi mal sucedido.

Uma mulher que estava presa em uma cela próxima passou mal e precisou ser socorrida pelo Corpo de Bombeiros. Dento da cela onde estavam os jovens ninguém se feriu. Nenhum deles assumiu a autoria do crime.

O caso será encaminhado para o juizado da infância e juventude do município. A transferência dos três internos envolvidos já foi solicitada. Um dos suspeitos havia sido preso na quinta-feira (26), junto com o irmão que havia deixado o presídio de Naviraí. A dupla realizou três roubos no centro da cidade.

(Com informações Ta Na Mídia Naviraí)

Homem tem pescoço cortado e é encontrado morto em rodoviária
Diones Luiz Pedrosa Farias, 21, foi encontrado morto com o pescoço cortado com uma faca, na rodoviária de Amambai, distante 366 km de Campo Grande, n...
Boliviana indiciada após tragédia com voo da Chape pede refúgio em MS
A boliviana Celia Castedo Monasterio, indiciada pelo Ministério Público de seu país por ter autorizado o plano de voo da Chapecoense, com saída em Sa...



Mais dois bandidos q irão para a UNEI. Onde só tem "menino de rua sem lugar pra ficar". Só bandido q se vangloriam com a fragilidade da justiça e com a pena das futuras vitimas q os acham meninos sem teto.
 
Julio Cesar em 31/01/2012 11:20:21
Como a nossa segurança esta abandonada,um policial pra registrar BO,cuidar de presos função que não é dele. Por favor secretário da insegurança Jacini,vai esperar um policial morrer para tomar providencia.
 
arivaldo paiva em 31/01/2012 09:57:12
bom seria se esses dois malas tivessem ido a óbito pelo próprio "plano"...foi o maior trabalho para efetuar a prisão dessas duas figuras, houve até disparo de arma, em que um deles efetuou contra a vítima no momento do primeiro roubo...brincadeira!!!!!!!!
 
Renato Dias Silva em 31/01/2012 01:09:21
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions