A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

30/03/2012 15:57

Ponte sobre o rio Miranda, na Estrada Parque, será entregue 4ª ao governo

Nadyenka Castro

Construtora responsável pela obra faz o acabamento. Investimento foi de R$ 16.494 milhões

A ponte é a primeira em concreto da Estrada Parque. (Foto: Divulgação)A ponte é a primeira em concreto da Estrada Parque. (Foto: Divulgação)

Construída para acabar com os transtornos causados pelas enchentes e também pelos danos na antiga estrutura de madeira, a ponte de concreto sobre o rio Miranda, na Estrada Parque, MS-184, em Corumbá, a 419 quilômetros de Campo Grande, já está pronta.

A Cowan, construtora responsável, entrega a obra ao governo do Estado na próxima quarta-feira (4). Cabe à administração estadual agendar a inauguração e liberar o local para o tráfego.

De acordo com o engenheiro da Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos de Mato Grosso do Sul), Edvaldo Aquino Pereira, agora, quase dois anos após o início da obra, a construtora está fazendo apenas o trabalho de acabamento, como a terraplanagem nas cabeceiras da ponte, pintura e limpeza.

O engenheiro explica que a ponte de 240 metros começou a ser construída em 28 de abril de 2010, mas, os trabalhos ficaram parados por três meses. “Por 90 dias ficou parada. A cheia rompeu duas pontes e o trabalho ficou inviável”, lembra Edvaldo. “Isso foi de 1º de abril de 2011 a 1º de julho”.

Por conta deste trimestre parado, a obra, que estava inicialmente prevista para ficar pronta em janeiro deste ano, só foi concluída agora.

A ponte - Do local conhecido como Buraco das Piranhas, na BR-262, à ponte, que fica na região do Passo do Lontra, são oito quilômetros cascalhados. A estrutura tem 240 metros de extensão, é pavimentada, tem 10,8 metros de largura e 13 metros de altura. “O nível máximo de cheia registrado é de oito metros. A ponte tem cinco a mais”, diz o engenheiro.

A altura da nova ponte também permitirá a passagem de embarcações cujo tráfego é inviável hoje. A altura para navegação foi exigência da Marinha do Brasil.

Ponte já está pronta. Construtora só faz os últimos reparos. (Foto: Divulgação)Ponte já está pronta. Construtora só faz os últimos reparos. (Foto: Divulgação)

A estrutura, de concreto armado com balanço suspensivo, substitui a antiga ponte de madeira que constantemente necessitava de reparos, sobretudo, após os períodos de chuva.

O engenheiro explica que esta é a primeira ponte no Estado com balanço suspensivo, que é o tipo de construção utilizada.

O balanço suspensivo é especialmente usado para pontes e viadutos com grandes vãos, no caso desta, de 100 metros de largura de margem a margem. “As aduelas foram montadas de três a três e vai se encaixando por si só, sem a necessidade de sustentação”. O resultado é um grande ‘vazio’

Os investimentos foram de R$ 16 milhões, sendo R$ 8 milhões do Ministério do Turismo e R$ 8 milhões do Governo do Estado.

MS-184- A Estrada Parque tem extensão total de 120 quilômetros e esta é a principal ponte da região. Outras 100 existem no local, que percorre locais como Passo do Lontra, Curva do Leque, Porto Manga até Ladário.




parabens governador Andre Puccineli, quantas vezes passei neste local com esta ponte interditada, pagando balsas ou dando a volta pelo porto da manga....este é um grande beneficio nao só para os Pantanerios mas a todos que passam para ver esta grande natureza que só nós temos que é o Pantanal... um abraço...
 
Reginaldo Garcia em 30/03/2012 06:56:15
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions