A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

28/09/2011 18:41

Prefeito de Alcinópolis vai passar mais uma noite na cadeia

Nadyenka Castro e Paula Maciulevicius

STJ mandou soltar o acusado de assassinato. Mas, alvará de soltura ainda não chegou

Prisão de Manuel e vereadores no dia 20 de julho envolveu policiais civis de várias delegacias. Não foram permitidas fotos dos presos. (Foto: João Garrigó)Prisão de Manuel e vereadores no dia 20 de julho envolveu policiais civis de várias delegacias. Não foram permitidas fotos dos presos. (Foto: João Garrigó)

Mesmo com decisão que o coloca em liberdade, o prefeito afastado de Alcinópolis, Manuel Nunes da Silva (PR), vai passar mais uma noite na cadeia.

Ele teve a liminar concedida pelo ministro do STJ (Superior Tribunal de Justiça) Adilson Vieira Macabu, nesta quarta-feira. No entanto, vai permanecer preso porque o alvará de soltura ainda não está nas mãos de oficiais de Justiça.

O telegrama do STJ informando oficialmente o TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) sobre a decisão não chegou em tempo hábil para soltura hoje. Diante disso, Manuel Nunes só será solto nesta quinta-feira.

Ele é acusado de ser o mandante do assassinato do vereador Carlos Carneiro, morto em Campo Grande, no dia 26 de outubro do ano passado, aos 40 anos.

Carneiro era do PDT, oposição ao prefeito, e era presidente da Câmara de Vereadores.

Três homens foram presos logo após o crime, e aguardam julgamento. O prefeito foi preso em 20 de julho deste ano, junto com três vereadores, sob acusação de ter planejado a morte do vereador e encomendado o crime.

O assassinato teria custado R$ 20 mil, conforme as investigações policiais.

Manuel Nunes da Silva está na 3ª Delegacia de Polícia Civil, no bairro Carandá, na Capital.

A liminar concedida hoje reconsidera uma decisão anterior, que havia negado ao prefeito a liberdade. Com a prisão dele, o cargo foi assumido pelo vice, o pai do vereador assassinado, Alcino Carneiro (PDT).

STJ solta prefeito de Alcinópolis acusado de mandar matar vereador
Manuel Nunes da Silva foi preso em julho por envolvimento em crime ocorrido em outubro de 2010O ministro do STJ (Superior Tribunal de Justiça) Adils...
TJ mantém sentença que mandou a júri réu pela morte de vereador
O Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul rejeitou os pedidos da acusação e da defesa e manteve a sentença que mandou a júri popular Aparecido de S...
Justiça decide manter prisão de prefeito de Alcinópolis por morte de vereador
O Tribunal de Justiça decidiu converter a prisão temporária do prefeito afastado de Alcinópolis, Manoel Nunes da Silva (PR), em prisão preventiva. Co...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions