A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

25/09/2014 13:26

Prefeito pretende decretar situação de emergência para obter recursos

Caroline Maldonado, Liana Feitosa e Priscila Peres, enviada especial a Porto Murtinho
Prefeito diz que pretende decretar estado de emergência (Foto: Marcelo Calazans)Prefeito diz que pretende decretar estado de emergência (Foto: Marcelo Calazans)

O prefeito de Porto Murtinho, a 431 quilômetros de Campo Grande, Heitor Miranda (PT) estuda decretar situação de emergência e luto, por conta da tempestade de ontem (24) que causou prejuízos a diversas casas e virou um barco hotel no rio Paraguai. A intenção com o decreto de emergência é conseguir a liberação de recursos com mais facilidade para atender a população prejudicada.

Veja Mais
Sobreviventes de naufrágio contam momentos de pânico e desespero
Empresário viu barco virar e chegou a filmar ventania no Rio Paraguai

Até o momento, a prefeitura contabilizou 20 casas de pessoas de baixa renda destelhadas pela tempestade. A prefeitura informou hoje (25) durante coletiva de imprensa que está levantando as informações para fazer um relatório e enviar à Defesa Civil do Estado, que por sua vez já se posicionou a favor do decreto de emergência.

As 17h30 de hoje está marcada nova coletiva de imprensa, em que as autoridades atualizarão as informações sobre os estragos na cidade. Além dos prejuízos materiais, o prefeito lembrou ainda a situação do barco Sueño del Pantanal que virou com com 27 pessoas a bordo. Dessas, 13 estão desaparecidas e 13 sobreviveram, sendo que oito são tripulantes paraguaios e os demais turistas do Estado do Paraná.

A imprensa não conseguiu contato com os sobreviventes paraguaios, já os brasileiros foram ouvidos pela polícia e concederam entrevistas. Francisco Carlos Paulineli Ferreira, 60 anos, morador de Alvorada do Sul/PR, contou que por volta das 16h45 faltava pouco para a o barco atracar quando o vento começou. Os vidros quebraram e, em seguida, a chalana virou. Todos estavam sem salva-vidas segundo os ocupantes.

Segundo Heitor, o vereador Zeca do PT e o candidato ao Governo do Estado, Delcídio do Amaral irão para o município nesta tarde para prestar solidariedade. Zeca é natural de Porto Murtinho. A chegada deles na cidade está prevista para as 16h.

As informações sobre as buscas são passadas pelo major do Corpo de Bombeiros de Jardim, Alexandre Trindade e o capitão-tenente Alexandre Brandão, chefe da Agência Naval da Marinha Brasileira, que estiveram nesta manhã na coletiva de imprensa.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions