A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 02 de Dezembro de 2016

23/01/2015 08:30

Prefeitura cria comissão para discutir ordenamento do Porto Geral

Viviane Oliveira
Proposta é ordenar o uso da orla portuária e garantir segurança dos banhistas. (Foto: Anderso Gallo/Diário Corumbaense)Proposta é ordenar o uso da orla portuária e garantir segurança dos banhistas. (Foto: Anderso Gallo/Diário Corumbaense)

A Prefeitura de Corumbá, distante 410 quilômetros de Campo Grande, vai criar um grupo de trabalho para tratar do ordenamento de uso do Porto Geral, área entre a Estação de Captação de Água Bruta até o mirante existente na entrada do Bairro Beira Rio. O grupo será integrado por representantes do executivo, Marinha do Brasil e do Corpo de Bombeiros.

Veja Mais
PF apreende 60 kg de cocaína e prende traficante de 28 anos na MS-164
Escritor douradense lança na terça livro sobre 40 anos de carreira

A proposta da Prefeitura é estabelecer critérios de utilização da orla portuária, garantindo segurança aos frequentadores, inclusive dos banhistas da região conhecida como prainha do Porto Geral. “É uma situação que nos preocupa muito. Na prainha do Porto Geral, principalmente nesta época do ano, verão e férias escolares, a movimentação é intensa. São veículos transportando mercadorias ou mesmo descarregando barcos, jet ski no leito do Rio Paraguai, um risco para os banhistas. É preciso ordenar o uso do Porto Geral e é isto que esta comissão vai estudar”, afirmou o prefeitura da cidade Paulo Duarte (PT).

O grupo será integrado por representantes da Secretaria de Governo, Fundações de Turismo e de Desenvolvimento Urbano e Patrimônio Histórico, Secretaria de Infraestrutura e Serviços Públicos, Agência Municipal de Trânsito e Transporte e da Coordenadoria Municipal de Segurança, Marinha do Brasil (6º Distrito Naval / Capitania dos Portos) e 3º Grupamento do Corpo de Bombeiros Militar.

O assunto será também debatido com representantes dos setores que utilizam o local. Uma das propostas é fazer com que a prainha seja utilizada somente pelos banhistas, sendo vedada a circulação de veículos no local, inclusive para descarregar produtos e embarcações.

Escritor douradense lança na terça livro sobre 40 anos de carreira
Será lançado na próxima terça-feira (6) em Dourados - cidade localizada a 233 km de Campo Grande - o livro "A Felicidade pela Literatura: Ensaio entr...
Comércio de Ponta Porã funcionará em horário especial neste fim de ano
O comércio de Ponta Porã - cidade localizada a 323 km de Campo Grande - irá funcionar em horário especial neste fim de ano. Os horários e dias foram ...
MPF entra com ação para garantir pesca e extração à comunidade ribeirinha
Foi ajuizada ação civil pública pelo MPF (Ministério Público Federal) para garantir o direito a pesca de subsistência e extrativismo sustentável da c...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions