A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 16 de Janeiro de 2017

17/10/2013 23:40

Prefeitura de Mundo Novo doa áreas para Sanesul ampliar poços

Vinícius Squinelo

Durante visita à cidade de Mundo Novo nesta quinta-feira (17), o presidente da Empresa de Sanesul (Saneamento de Mato Grosso do Sul), José Carlos Barbosa, se reuniu com o vice-prefeito de Mundo Novo, Nivaldo Batista Marques, e secretários municipais. Na oportunidade foi assinado um termo de doação de áreas para a Sanesul, que serão destinadas a perfuração de dois poços tubulares profundos, o MUN-006 e o MUN-007.

Veja Mais
Mesmo com ordem de despejo, índios ampliam invasões em lotes urbanos
Cidade de MS teve 157 focos de queimadas em duas semanas do ano

Serão investidos nestas duas obras mais de R$ 300 mil de recursos da empresa. De acordo com o presidente da Sanesul, José Carlos Barbosa, o objetivo até o final de sua gestão é deixar Mundo Novo bem atendido na parte de água, pois a cidade está em pleno desenvolvimento e necessita com urgência desses novos poços.

Para o vice-prefeito da cidade, Nivaldo Batista Marques, a visita do presidente da empresa a Mundo Novo só comprova a seriedade do seu trabalho à frente da Sanesul, além de reforçar os investimentos destinados ao saneamento básico do município, que também é uma prioridade da empresa. “Essas obras significam muito para nós, porque vão trazer mais qualidade de vida à nossa população”, enfatizou o vice-prefeito.

José Carlos Barbosa também aproveitou para comunicar às autoridades o andamento do projeto de ampliação do sistema de esgotamento sanitário, com a construção de uma estação de tratamento de esgoto (ETE) com capacidade de tratar 20 litros por segundo, elevatória, linha de recalque, implantação de 14.715 metros de rede coletora e 500 ligações domiciliares de esgoto.

“O projeto já está sendo atualizado e o Exército já cedeu a área para a Sanesul construir a ETE. Em breve vai ser autorizado o processo licitatório, e depois devemos assinar a ordem de serviço”, explicou o presidente. Serão aplicados nesta obra mais de R$ 5 milhões e os recursos são do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) via Fundação Nacional de Saúde (Funasa).




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions