A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

26/06/2014 21:47

Prefeitura faz locação de aparelho respirador para salvar bebê internado

Alan Diógenes
Com a chegada do aparelho, bebê poderá usar somente a máscara. (Foto: Bonito Informa)Com a chegada do aparelho, bebê poderá usar somente a máscara. (Foto: Bonito Informa)

A Prefeitura de Bonito, a 257 quilômetros de Campo Grande, em pareceria com a Secretaria de Saúde e Ministério Público Estadual conseguiu a locação do a do aparelho respirador Trilogy 100 para o bebê João Lucas que está internado no CTI (Centro de Tratamento Intensivo) do Hospital Regional de Campo Grande devido a uma doença degenerativa ainda em fase de diagnóstico. A família estava pedindo ajuda por que não tinha condições de comprar o aparelho que custa R$ 50 mil.

Veja Mais
Família pede ajuda para salvar bebê que precisa de respirador de R$ 50 mil
Homem é baleado após agredir suspeito envolvido em acidente

De acordo com o pai do bebê, Marlon, os médicos desconfiam que o filho têm atrofia neuroespinhal, e o resultados dos exames deve sair dentro de 30 dias. Em entrevista ao site BonitoNet, a mãe disse que “quando há pessoas de bem a frente da administração pública, coisas boas acontecem. Mas quero aqui também agradecer a toda imprensa que não poupou esforços em noticiar e ajudar a família”. Por outro lado Mônica diz “comecei a sonhar, pois com a ajuda deste aparelho, já visualizo um futuro melhor, já sonho em ver meu filho brincando e correndo pelas ruas, sendo simplesmente o que ele mais é, uma criança”.

O pai disse ainda que o estado de João Lucas é trágico. Mesmo com o aparelho e com o tratamento, os médicos informaram a família que a criança só viverá de dois a dez anos. “Ele sorri todos os dias, brinca com os médicos, para ele parece estar tudo certo. Mas pra mim como pai é emocionante e dói muito no coração ver ele cheio de aparelhos todos os dias. Já são 46 dias de exames e entubação por aparelhos”, comentou.

O prefeito de Bonito, Leonel Lemos de Souza Brito (PT do B) disse que a história do bebê é uma luta difícil. “Nós humildemente temos que ajudar com a nossa parte. Vamos garantir este aparelho à família, numa questão de locação, até que os médicos definam a necessidade do aparelho por quanto tempo. Mas aqui o que está em questão não é o valor, ou o quanto vamos ajudar e sim, a vida humana, é uma criança, que nem mesmo sabe o quanto já nasce sortuda, pois tem uma família maravilhosa e vem ensinando essa comunidade do Mato Grosso do Sul, que podemos nos unir em prol de algo melhor, podemos sim nos unir e salvar a vida do João Lucas”.

Para deixar o hospital e ir para casa, o bebê precisa deste respirador chamado, que foi locado pela prefeitura por R$ 4,9 mil mensais. Quanto mais tempo a criança fica entubada, maior a dependência do aparelho e isso lesiona o pulmão. Com o aparelho vai possível o bebê respirar com a máscara apenas na hora de dormir.

No dia 12 de julho, será realizado um bingo em prol de João Lucas, com itens angariados por doadores de todo o Estado nesta campanha. Uma blitz de trânsito também será realizada neste sábado (28) para angariar fundos para o tratamento do bebê. Quem desejar ajudar pode efetuar depósito diretamente na conta da família: Agência Bradesco: Ag 1536-9 - Conta poupança: 0502007-7 ou entrar em contato pelo fone: 67 9207-5797 - Mônica ou Marlon.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions