A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

09/05/2013 15:47

Prefeitura manda queimar medicamentos e produtos hospitalares úteis

Edivaldo Bitencourt
Vereador mostra medicamentos que não venceram que seriam queimados (Foto: Batamix)Vereador mostra medicamentos que não venceram que seriam queimados (Foto: Batamix)

A Prefeitura de Bataguassu, a 335 quilômetros da Capital, determinou, ontem, a queima de remédios e produtos hospitalares que ainda não venceram. O desperdício foi constatado pelo vereador João Carlos Kotai (PT), que flagrou o veículo levando os produtos sendo levados para o lixão do município.

Veja Mais
Secretaria de Saúde emite nota para explicar descarte de medicamentos
Justiça determina instalação de rede de esgoto em Nova Alvorada do Sul

Conforme o site Batamix, o vereador viu uma Saveiro da Secretaria Municipal de Saúde levando caixas na carroceria para o lixão. Ele desconfiou da grande quantidade de material e decidiu fiscalizar a carga.

O veículo levava seringas, quites para hemodiálise, luvas e máscaras cirúrgicas usadas que seriam queimados, de forma clandestina.

De acordo com o petista, os materiais e medicamentos, que seriam queimados, vão vencer em agosto de 2014, de 2016 e até 2017.

Após a inspeção do parlamentar, os funcionários recolheram os medicamentos úteis e improvisaram fornos para queimar o material utilizado e vencido.

Kotai prometeu encaminhar o caso para o Ministério Público Estadual.

Secretaria de Saúde emite nota para explicar descarte de medicamentos
Após a denúncia feita de que medicamentos dentro da validade foram queimados pela Prefeitura de Bataguassu, cidade localizada a 335 km de Campo Grand...
Justiça determina instalação de rede de esgoto em Nova Alvorada do Sul
A Sanesul e a prefeitura de Nova Alvorada do Sul - cidade localizada a 120 km de Campo Grande - terão que criar no município rede coletora e estação ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions