A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

23/12/2014 21:49

Presidente da Câmara pede sessão extraordinária para definir nova mesa diretora

Liana Feitosa

Em edital publicado nesta terça-feira (23), os vereadores da cidade de Ribas do Rio Pardo, a 103 quilômetros de Campo Grande, foram convocados a participar de duas sessões extraordinárias programadas para a próxima segunda-feira, dia 29, segundo o jornal Rio Pardo News.

Veja Mais
PF apreende 60 kg de cocaína e prende traficante de 28 anos na MS-164
Escritor douradense lança na terça livro sobre 40 anos de carreira

A decisão é do vereador Sebastião Roberto Collis (PMDB), presidente da Câmara Municipal de Ribas do Rio Pardo, que decidiu, na primeira sessão, marcada para 9h30, tratar da leitura, discussão e votação de um projeto de resolução que tentará revogar a eleição da mesa diretora presidida pela vereadora Roseli Codognatto (PPS), apesar de ser a única parlamentar da "Chapa União" que não foi afastada pelo Ministério Público por envolvimento em esquemas ilegais.

Marcada para 10h30, a segunda sessão extraordinária tratará da eleição da mesa diretora para o biênio 2015/2016. Essa eleição só ocorrerá caso o Projeto de Resolução nº 006/2014 seja aprovado na sessão anterior.

Roseli foi eleita no último dia 31 de janeiro, em eleição antecipada. Na ocasião, a chapa vencedora, intitulada “União”, recebeu o apoio do chamado “G-7” e era composta também pelo então presidente, Adalberto Alexandre, Lucineide Friosi e Diony Erick. Hoje, vereadores afastados por suspeita de inúmeras irregularidades.

Sem apoio - Ainda segundo o jornal Rio Pardo News, informações não-oficiais apontam que nenhum vereador suplente manifestou interesse em compor a mesa diretora com Roseli Codognatto devido aos recentes escândalos envolvendo políticos da cidade. Por isso, a parlamentar não teria conquistado apoio devido ao afastamento de três membros.

A situação se torna ainda mais complicada se considerado que faltam suplentes, já que restam somente os vereadores Joaquim dos Santos e Adão Coene, impossibilitando a composição de uma nova mesa diretora, que só pode ser formada com a participação de quatro membros: o presidente, o vice, o primeiro secretário e o segundo secretário.

Edital convoca vereadores para sessões extraordinárias. (Foto: Rio Pardo News)Edital convoca vereadores para sessões extraordinárias. (Foto: Rio Pardo News)
Escritor douradense lança na terça livro sobre 40 anos de carreira
Será lançado na próxima terça-feira (6) em Dourados - cidade localizada a 233 km de Campo Grande - o livro "A Felicidade pela Literatura: Ensaio entr...
Comércio de Ponta Porã funcionará em horário especial neste fim de ano
O comércio de Ponta Porã - cidade localizada a 323 km de Campo Grande - irá funcionar em horário especial neste fim de ano. Os horários e dias foram ...
MPF entra com ação para garantir pesca e extração à comunidade ribeirinha
Foi ajuizada ação civil pública pelo MPF (Ministério Público Federal) para garantir o direito a pesca de subsistência e extrativismo sustentável da c...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions