A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

15/07/2014 16:53

Preso sexto envolvido em estupro e morte de menina em Dourados

Luciana Brazil
Sexto homem é preso por participar da morte de menina indígena. (Foto: Foto: 94 FM)Sexto homem é preso por participar da morte de menina indígena. (Foto: Foto: 94 FM)

Sexto envolvido no estupro e morte da menina Micheli Gonçalves Benites, 12 anos, foi preso na manhã de hoje, na aldeia Bororó, em Dourados, a 233 quilômetros de Campo Grande. O indígena Rosimar Viego, 18 anos, foi o primeiro a estuprar a jovem, segundo a polícia. Além dele, outros cinco suspeitos foram detidos ontem (14). A polícia procura mais dois envolvidos no caso que também teriam violentado a criança. 

Veja Mais
Polícia suspeita que oito homens estupraram e mataram menina
Polícia prende cinco acusados de estuprar e depois matar adolescente

A menina foi encontrada morta na tarde da última quinta-feira (10), em uma plantação de milho. O corpo da vítima estava com sinais de violência sexual e vários golpes de foice e facão. Animais, possivelmente cães que perambulavam pela aldeia, ainda comeram parte do pescoço, da cabeça e do tronco da vítima.

As prisões foram feitas por policiais do SIG (Serviço de Investigação Geral) com apoio das lideranças indígenas. Entre os presos, estão quatro adolescentes e dois maiores, Rosimar e Arlindo Freitas Ramires, 28 anos.

De acordo como site 94 FM, segundo o relato de um dos menores, que confessou o crime, o grupo encontrou com a menina quando voltavam de uma festa no dia 5 de julho. Rosimar chamou a jovem para ter relações sexuais. Com a negativa, ele levou Micheli para a plantação e a violentou. O restante do grupo também estuprou a vítima. Com medo que ela contasse sobre o crime, eles decidiram matar a menina com golpes de foice e facão.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions