A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

06/02/2011 16:03

Programa de medidas alternativas ganha núcleo em três cidades do interior do MS

Jorge Almoas

Fátima do Sul, Glória de Dourados e Deodápolis passam a ter estrutura, montada por meio de convênio

Os municípios de Fátima do Sul, Glória de Dourados e Deodápolis vão receber estruturas para desenvolver trabalhos na área medidas alternativas para detentos.

A instalação de uma central em Fátima do Sul, e dois núcleos de acompanhamento em Glória de Dourados e Deodápolis foi possível mediante convênio entre o MPE (Ministério Público Estadual) e Ministério da Justiça.

“A pena alternativa é uma realidade. O projeto visa à ressocialização dos presos e a criação desses núcleos é importante, pois é no interior que encontramos as maiores dificuldades na fiscalização”, ressalta Paulo Roberto Gonçalves Ishikawa, promotor de Justiça que encabeça o projeto.

A partir da implantação da Central e dos Núcleos, a próxima etapa será a formação da equipe, composta por um advogado, três assistentes sociais e três psicólogos.

A Central e os Núcleos de Acompanhamento de Medidas Alternativas vão identificar as redes sociais, ou seja, entidades que abrigarão os cumpridores de pena.

Para chegar até lá, os detentos serão encaminhados pelo Poder Judiciário e vão passar por entrevista psicossocial na Central e nos Núcleos, para verificação das condições pessoais e posterior encaminhamento às entidades.

O projeto contempla a confecção de material informativo impresso, a ser distribuído aos cumpridores de pena e à sociedade em geral, bem como verba para realização de um Seminário Estadual de Penas e Medidas Alternativas.

O total de recursos obtidos para a instalação da Central e dos Núcleos, fica em aproximadamente R$ 500 mil reais, sendo 90% repassados pelo Orçamento Fiscal da União e 10% de contrapartida do MPE.

Justiça determina instalação de rede de esgoto em Nova Alvorada do Sul
A Sanesul e a prefeitura de Nova Alvorada do Sul - cidade localizada a 120 km de Campo Grande - terão que criar no município rede coletora e estação ...
Médico nega que tenha abandonado pacientes e diz que foi autorizado a sair
O médico Carlos José da Costa Duran, de 41 anos, nega que tenha abandonado o plantão no hospital e maternidade Idimaque Paes Ferreira, o único em Rio...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions