A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

21/07/2014 23:33

Projetos são aprovados na Câmara, mas professores continuam em greve

Alan Diógenes

A sessão Ordinária na Câmara de Vereadores de Dourados desta segunda-feira (21) votou e aprovou em regime urgência projetos encaminhados à Casa na semana passada pela secretária municipal de educação, Marinisa Mizoguchi. A primeira proposta é a da Lei nº 832 do magistério, que refere-se à implantação do piso nacional de 20 horas, e a segunda é a da Lei nº 615, que refere-se ao reajuste de inflação dos 12 meses para os servidores administrativos. Mesmo assim, a greve dos educadores continua e na manhã desta terça-feira (22), os professores se reunirão novamente para mais discussões no sindicato.

Veja Mais
Carreta da Justiça realiza 368 atendimentos na terceira etapa do projeto
Condutor abandona veículo carregado com 800 kg de maconha na BR-163

De acordo com entrevista cedida ao site Dourados News, o presidente do Simted (Sindicato Municipal dos Trabalhadores em Educação), João Vanderley Azevedo, disse que a votação teve um “significado trágico” para a categoria. “Porque ela não faz parte das negociações; o reajuste não será votado da forma que nós gostaríamos, vai ser efetivado a partir de agosto, isso não faz com que a nossa pauta seja cumprida, pois a nossa pauta nunca foi só o reajuste, mas o piso para 20h, lei para valer a partir de 2016, 2017, 2018, 2019; e a inserção do grupo administrativo no plano de carreira”, disse Vanderley.

Ao fim da sessão, a vice-presidente do Simted, Gleice Jane Barbosa, disse que a categoria sai da Câmara com as mesmas dúvidas e inseguranças que entrou. “Nós achamos que os vereadores estavam muito confusos quanto ao texto do projeto, eles também tiveram dúvida, mas confiaram no discurso do prefeito. Mesmo com o texto dizendo que os contratados não estão contemplados com o reajuste, eles confiaram na palavra do prefeito e votaram a favor”, falou Gleice do site Dourados News.

Também foi reajustada a tabela nos pisos para todos os servidores municipais em 6,15%, o que possibilitou a reposição de inflação.

Carreta da Justiça realiza 368 atendimentos na terceira etapa do projeto
Em oito dias de atendimentos da Carreta da Justiça em Taquarussu - município localizado a 332 km de Campo Grande -, o projeto do TJ-MS (Tribunal de J...
Sidrolândia comemora aniversário com 'balada cristã' e jogos do Operário
Sidrolândia - cidade localizada a 71 km de Campo Grande - completa no domingo (11) 63 anos de emancipação e vai receber várias atrações para comemora...
Mesmo algemada, mulher usa isqueiro e coloca fogo em viatura policial
Elaine Cristina da Silva de 37 anos foi presa na noite de ontem (8) em Sonora, distante 364 km de Campo Grande, por porte ilegal de arma. Porém, mesm...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions